terça-feira, 21 de novembro de 2006

Teorias da Conspiração

Não foi a primeira vez que ouvi falar no tal 'Projecto Roquette', mas julgava-o um mito há muito adormecido. Eis que hoje - a propósito do interrogatório a Veiga - me saltaram à vista algumas vozes de indignação que me suscitaram uma grande curiosidade sobre esta questão.

Começo por uma referência a uma entrevista de João Rocha - quiçá um dos não muitos homens decentes que presidiram o Sporting - ao jornal Record, da qual destaco alguns trechos:

"O Projecto Roquette liquidou o Sporting. Ninguém soube o que era o projecto, porque ele não dizia. Sabia-se, apenas, que era uma dezena de sociedades, dirigentes e funcionários superiores a ganhar centenas de milhares de contos. O projecto foi reduzir os sócios de mais de 100 mil para pouco mais de 30 mil, foi acabar com as modalidades amadoras, foi vender património, foram dezenas e dezenas de milhões de contos de prejuízo que não aparecem nos resultados, porque parte deles foram executados pelo Sporting. No caso da SAD deram-se informações falsas aos associados e à própria CMVM para a entrada na bolsa."

"Havia um projecto com o FC Porto que era muito prejudicial para o Sporting. Era mesmo inqualificável. Insurgi-me num Conselho Leonino e numa assembleia geral. Era um projecto gravíssimo que só podia sair da cabeça de um indivíduo sem responsabilidades. José Roquette dizia que era um projecto válido, porque era a única maneira de Sporting e FC Porto estarem sempre representados na Liga dos Campeões."

"Foi falado no Conselho Leonino e eu disse ao líder da AG para mandar calar sobre essa informação, que foi longe demais. Disse-lhe ainda que o resumo do acordo com o FC Porto devia ser gravado de tão grave que era, porque talvez fosse necessário que essa gravação viesse a ser pública na defesa dos interesses do Sporting e dos seus sócios."

"O Projecto Roquete numa das suas recomendações dizia: 'Em Portugal dada a dimensão do país não há lugar para três grandes forças desportivas, Lisboa não comporta dois grandes clubes, as receitas de sobrevivência (Televisões,afluência aos Estádios) não chegam para todos etc.,logo há um que tem que ser afastado. A escolha recaiu naturalmente sobre o Benfica.'
Este projecto começou a ser abordado em Conselho Leonino em 1997 e teve a oposição de João Rocha que o denunciou,foi a fuga de informação. A seguir JR calou-se pois foi zanga de comadres de interesses inconfesáveis."

Pelo que percebi, o projecto consistia em duas fases:

- A primeira consistia em obter o controle da Comunicação Social, minando estúdios e redacções pelos media fora, colocando nos lugares chave homens da sua inteira confiança com o singelo propósito de desacreditar o Sport Lisboa e Benfica em toda a sua grandeza, fazendo-o perder credibilidade e influência.

E, de facto, com uma atenta observação pelos jornais, estações de rádio e canais de televisão deste país, é fácil constatar o óbvio. Senão vejamos:

Jornal Abola - foi tomado de assalto por um grupo que consegui afastar jornalistas de eleição e colocar no seu lugar homens parciais e mal-intencionados, como foi o caso de Rui Santos. Graças a uma reacção da administração do jornal, este voltou a ser o mais imparcial da imprensa desportiva. Não é aqui que reside o maior problema;

Jornais Record e Correio da Manhã - pertença do grupo Cofina, chefiado pelo portista Paulo Fernandes. Dois isecráveis exemplos de parcialidade e ira em relação ao Benfica;

Jornal Ojogo - pertencente ao grupo Oliveirinha - será preciso dizer mais? - surgindo ainda como agravante as atribuladas relações entre Vale e Azevedo e a Olivedesportos; porém, tem-se mostrado mais moderado uma vez que Joaquim Oliveira tem participação na Benfica Multimédia e acordos com o clube para trabalho fotográfico no Jornal;

Jornal Económico - tutelado pelo sportinguista Sérgio Figueiredo. Não é por acaso que atinge o Benfica com frequência e ignora as dívidas do scp;

TSF - mais uma sobre a alçada da Olivedesportos;

Antena1\Renascença - estas privligiam a isenção, salvo um ou outro exemplar;

RTP - para um orgão estatal, está minada de maus profissionais, casos de Hugo Gilberto, Rui Cerqueira e Luis Baila - os comentadores das noites europeias -, entre outros. Parciais, nojentos e asquerosos! Para não falar no lagarto do Gaby Alves, uma lenda que não precisa de apresentações. Parafraseando um honrado benfiquista: 'Almerindo Marques Presidente do CA da RTP e Luis Marques (ex-cronista do record) ambos fazem parte da Comissão do Centenário do Sporting - é necessário dizer mais? Os factos respondem por si. Ver grelha de programas de manhã á noite e verificar quem são os três afilhados O demónio Gabriel,o saltibanco Malato e o inefável Fernando Mendes todos adeptos do Sporting.' Salvam-se Paulo Catarro e Carlos Daniel, que, como bons benfiquistas, desempenham o seu trabalho com isenção;

Sic - além de Pinto Balsemão, o grupo Jerónimo Martins (Filipe Soares Franco) e a SONAE (Belmiro de Azevedo) dividem o bolo. Para não falar do seboso do Rui Santos e do programa "O Dia Seguinte";

Tvi - o ex-libris é sem duvida o grande comentador Sousa Martins, mais um que derivou da RTP Porto e palavras para quê, basta ouvir um relato dele do Benfica e outro do Porto, para não restarem dúvidas da parcialidade deste animal... o fórum de domingo é um fartote de rir! Enfim;

Sporttv - mais uma sob a alçada da Olivedesportos. Não há muito a dizer sobre a falta de isenção pela qual a estação prima. Salva-se talvez o benfiquista Joaquim Rita;

Tudo isto, sem mencionar a quantidade de talk-shows\debates, ou o que raio lhes queiram chamar, onde o Benfica está representado por benfiquistas afáveis, calminhos, e fáceis de controlar. Por exemplo, no programa 'O Dia Seguinte', da Sic Notícias, Fernando Seara, um benfiquista moderado e com responsabilidades é o representante dos encarandos, constatemente sujeito ao alarve escárnio da oposição, actualmente liderada pelo lagarto Dias Ferreira, e pelo Saddam de Contumil, vulgo Guilherme Aguiar, outrora cargos ocupados pelos tão ou mais asquerosos Pôncio Monteiro e Fernando Serrão. Há ainda o famigerado "Trio de Ataque", da nortenha estação rtpN, moderado exemplarmente por Carlos Daniel, mas representado por mais um benfiquista, que para além de estúpido, é facilmente domável. Não serão estes os únicos exemplos desta situação, mas, atendendo aos contornos maçadores que este post está a tomar, fiquemo-nos por aqui.


- A segunda, visava adquirir o controlo dividido com o Porto das várias estruturas do Futebol (Liga e suas comissões, Fpf e seus órgãos, bem como restantes associações regionais) - vide, por exemplo, o Sportinguista Hermínio Loureiro que recentemente atingiu a presidência da Liga.

E Não são muitos os benfiquistas a deter cargos importantes nestas instituições. Assim de repente, lembro-me de Cunha Leal e pouco mais.


Gostava de salientar que grande parte do que eu escrevi aqui foi transcrevido de diversas fontes, numa compilação que resultou no post que mais trabalho me deu a escrever até hoje. Como já expliquei na breve introdução que fiz, este tema interessou-me, e tentei absorver e estruturar toda a informação que obtive, de modo a informar\elucidar a maioria dos Benfiquistas - e porque não, muitos Sportinguistas, que pelo que apurei também não estão muito a par - de que se trata este projecto.

Atenção, isto é apenas uma teoria que se enquadra muito bem no caso de João Pinto que hoje veio a público, mas não deixam de haver coincidências a mais que me levam a acreditar que há um fundo de verdade nisto tudo.

Haverá uma relação causa\efeito entre isto tudo e o que aconteceu a José Veiga? Será por isso que o empresário aponta o Sporting como principal responsável pelo sucedido?

Se alguém se dignou a ler isto até ao fim - e desde já o merece meu louvor - por favor diga o que pensa sobre a questão. Era interessante que se debatesse o assunto.

13 comentários:

Anónimo disse...

SLB=SISTEMA LUCILIO BAPTISTA

O LEÃO DA ESTRELA disse...

O “caso” José Veiga – não o caso das suas alegadas dívidas ao fisco, mas o novo caso, relativo à mudança de João Pinto do Benfica para o Sporting, no Verão de 2000, e o desaparecimento misterioso para a conta de uma empresa estrangeira de mais de três milhões de euros por conta de alegada comissão de transferência – parece ser apenas a ponta de um “iceberg” da indústria do futebol em que os empresários já são os principais agentes. Tão principais que, no caso português, já são eles que dominam a maioria das sociedades anónimas desportivas, pondo e dispondo de jogadores e treinadores, ou metendo “pontas-de-lança” nas próprias empresas futebolísticas, ante a passividade complacente e resignada dos verdadeiros dirigentes dos clubes.

Anónimo disse...

Oh pá estás a ver fantasmas!...

Vai-te tratar...

Estão muitos no Julio de Matos por muito menos que isso...

Anónimo disse...

li tudo...mas axo que nao acaba por ai! deve de haver muito mais

Sir disse...

Já eram previsíveis estes comentários provenientes desta estirpe esverdeada da blogosfera.

Salva-se o teu, leão da estrela, apesar de teres elegantemente fugido ao tema.

Heidi disse...

Na rtp há um outro exemplo disso mesmo, apesar de ser mulher, a Tânia Ribas de Oliveira tambem ela adepta dos lagartos, não há programa pelo qual ela não tenha passado. Este assunto até já foi tema de conversa lá em casa, o facto da tripla Malato, Jorge Gabriel e Tânia R. Oliveira já terem apresentado todo e qualquer tipo de programas na tv estatal e todos eles serem conhecidos adeptos da agremiação do campo grande. Podiam dar um bocadinho menos nas vistas :P

antitripa disse...

Ora cá está! Bem levantado. E dizem eles que eu é que conspiro....

Sir disse...

Bem lembrado Heidi.

Anti: tu continuas a ser o Rei das Conspirações!

Anónimo disse...

Cum carvaaalho! E a queda do sá carneiro em camarate não?

Hermione disse...

Aquilo que me parece evidente é o continuo favorecimento do outros grandes O FCP desbarata os milhões num piscar de olho e não passa nada o SCP é só craques por tudo quanto é lado já enjoa já o GLORIOSO perde um jogo e fala-se de crise.
E qunato á Bola a imparcialidade já foi maior basta ver os artigos de opinião e inclusive os do seu director para perceber que algo está mal.

Pedro Neto disse...

Muito preocupante...

vosé jeiga disse...

para a lagartada é simples: já foram ultrapassados, há muito, pelo fccorrupção. Logo por eles só querem o 2º lugar, entrada directa na champions e claro o mais importante- ficariam à frente do Benfica...

e o que dizer da bilis do miguel sousita tavares e do outro palerma do sportem que escrevem na Bola?

Anónimo disse...

Sou um pouco céptico em relação a teorias da conspiração...mas pelo q li aqui e agora, faz-me pensar em algo q eu próprio já tinha questionado e ver q de facto existe alguma verdade nisto!

Os Media à mto q são pro-antibenfica!