sexta-feira, 6 de junho de 2008

Controlinveste

Nos últimos dias, a desprezível campanha que o grupo Controlinveste tem vindo a mover desde a sua origem assumiu contornos de verdadeiro escândalo. Jornal de Notícias, Diário de Notiícias, 24 Horas e O Jogo ocupam lugar de destaque nesta descarada tentativa de manipulação da opinião pública e lavagem cerebral de milhões de portugueses.

O Jogo, no dia em que o FCP foi condenado na sequência do Apito Final, fez da transferência de Bosingwa a sua manchete. No dia em que o FCP foi afastado da Liga dos Campeões, preferiu realçar a subida de 1,94% no valor das acções do clube azul e branco. Hoje, decidiu pegar numa notável entrevista de Luis Filipe Vieira ao site oficial do Benfica para insinuar que o clube da Luz, na pessoa do seu Presidente, é responsável por uma série de pressões que visam prejudicar o impoluto FCP.

Temos também o JN, com um rol interminável de artigos tendenciosos nos últimos dias, com o objectivo de colocar o clube portista no papel de virgem ofendida e o Benfica no lugar de temível vilão (o artigo referente ao primeiro fax enviado pela FPF à UEFA é verdadeiramente repugnante).

Finalmente, temos o DN, que hoje atinge os píncaros do desespero: afinal, o Apito Final ainda nao terminou e o Benfica poderá muito bem ser o próximo visado. Para não ter de explicar os verdadeiros motivos que estão na origem desta vil manobra, deixo apenas algumas passagens de um artigo de opinião de João Marcelino, director do DN, no passado dia 5 de Abril:

«Pinto da Costa e Valentim Loureiro marcaram, para o bem e para o mal (na companhia de Pimenta Machado, ex-presidente do V. Guimarães), os últimos 25 anos do futebol português. Primeiro, retiraram-no de uma ditadura, a do Benfica dos anos 60 e 70, e devolveram-no à democracia alguns anos depois do 25 de Abril.»

«Mesmo as arbitragens, que na altura não tinham o escrutínio de uma comunicação plural, eram visivelmente tendenciosas. E foi a partir do Norte, desse triângulo com o vértice maior nas Antas, que as coisas melhoraram.»

Esta ameba é o mais recente delfim de Joaquim Oliveira e um dos responsáveis pela campanha de branqueamento da corrupção no futebol português a que temos vindo a assistir nos últimos anos. Podia sugerir que deixassemos de comprar os jornais da Controlinveste, mas todos sabemos que isso seria tratar uma tuberculose com aspirinas. O problema é bem mais profundo que isso e tornar-se-á ainda mais grave se cairmos na tentação de desvalorizar esta questão.

A tudo isto, devemos ainda somar a Sporttv, outro instrumento ao serviço de Joaquim Oliveira e do polvo que controla o futebol português. Claramente o mais poderoso, é o sustento de todos os clubes deste campeonato da treta, aproveitando-se da sua posição privilegiada para influenciar gestões, manipular decisões e patrocinar a corrupção.

11 comentários:

Anónimo disse...

Assim vai o futebol portugues., condenado a desaparecer.

Deveriam vender todos os jogadores a 2ª liga espanhola e mandar para rua todos os membros da FPF.

EMANUEL disse...

Excelente observação! Só vê quem não quer. Falta também falar na TSF Rádio Jornal, com profissionais(!) que debitam a lengalenga do costume. Aqui no Norte, temos que levar com as primeiras páginas tendenciosas e até provocatórias. No fundo, é o Benfica que alimenta esta corja devido aos milhares de adeptos que arrasta.

EMANUEL disse...

Não foi o João Marcelino que há alguns anos atrás criticava duramente o grupo Lusomundo, na qual Joaquim Oliveira era sempre o mais visado? Tão amigos que eles são...!

Cristina disse...

O meu pai sempre me disse, desde que despoletou o Apito Dourado, que também havia um "Microfone Dourado". Os jornalistas têm medo - ou não querem - pôr o dedo na ferida e vão tapando as evidências como podem, ao mesmo tempo que dão tempo de antena ao Pinto da Costa.

Este nosso país é uma vergonha!
Há quem ainda não tenha percebido que isto não se trata de uma guerra Benfica - Porto, mas uma luta para acabar com a corrupção e com tudo o que denigre a imagem dessa indústria em Portugal.

Como jornalista, sinto-me envergonhada pela classe a que pertenço. Há quem não perceba um dos princípios básicos: IMPARCIALIDADE.

Não espero que defendam o Benfica, quero que se cinjam aos factos e eles, analisem-nos como analisarem, estudem-nos como estudarem, são de que houve corrupção... E ISSO MERECE PUNIÇÃO!

A decisão da UEFA é um primeiro passo para a m**** se afastar... O organismo tenta afundá-la, a FPF tenta salvá-la... está tudo dito!

dezazucr disse...

Esqueceste-te do diário gratuito "Global", que no dia da sentença tratou o caso com uma indiferença brutal, parecendo que nada era. Para já a manchete apenas dizia: "pc acredita na razão após recurso". Incrível. O jornal "ojogo" de ontem trazia artigos de opinião de todos os directores de todos esses jornais, passando a mão pelo pelo do pc.
Merecia um "microfone dourado" ai isso merecia.

Anónimo disse...

nossa...que azia...nossa Senhora...
Bola7

Anónimo disse...

Os jornalistas são uma cambada de ressabiados e que tem medo de morder a mão de quem lhe dá de comer.

Esse Marcelino merecia ser empalado.

Esse anónimo coitado que por aqui anda com uns versos, tadito, a parca inteligência do animal não deve dar para mais... um verdadeiro grunho!

oibaf disse...

Este não têm mais nada que fazer.

Estes tripeiros não têm mesmo vergonha...

sigmund disse...

bem, depois de apagar os comentários todos do portista ressabiado, só me resta ser compreensivo e perdoá-lo. Não deve ser fácil ser portista, gayzola e corno, passo a redundância.

O 7 Maldito disse...

A Cruzada que o Gilbode Madaíl está a fazer tb tem a sua piada. Como é que a FPF, Instituição de Utilidade Pública, dá cobertura a esta corja de bandidos condenados, preparando-se para os defender a todo o custo?
Que vergonha....

Benfica Eagle disse...

Mai Nada Sigmundo!!

hehehehe

É dar na cabeça a esses corruptos!


PS: Sejas bem-vindo! Andaste "desaparecido" hehehehe