segunda-feira, 6 de setembro de 2010

Por enquanto, nada!

(...)O Benfica vai disputar um jogo de apoio ao povo da Madeira defrontando uma selecção mista de jogadores do Marítimo e do Nacional, reforçada com Cristiano Ronaldo, que já garantiu a disponibilidade para participar.
O desafio de solidariedade ainda não tem data nem local, mas foi acertado directamente pelo Presidente Benfiquista Luís Filipe Vieira com Miguel Sousa, membro da assembleia municipal do governo regional.(...)


...

Passado 6 meses:

(...)Carlos Pereira, presidente do Marítimo, prometeu em Julho accionar uma queixa formal contra o Benfica por causa do jogador Kléber, que era desejado no Estádio da Luz. Caso o dirigente máximo dos insulares cumpra essa promessa, os encarnados poderão perder três pontos na actual edição do campeonato.(...)


Meus Amigos, isto é uma vergonha!

A ser verdade uma notícia assim, o mundo desabaria.

A Imprensa Desportiva do nosso Portugal, sairia a bradar loas, amplificando o acontecido.

O Sociólogo Sobral do Maisfutebol, escreveria um desce, escarnecendo do efeito nocivo que a Grandeza do Benfica provoca na evolução desportiva da sociedade Portuguesa no século XXI.

Rui Santos, pararia a sua cruzada a favor da utilização das novas tecnologias, e falaria a noite toda, sobre a influência negativa criada pelo empréstimo abusivo de jogadores do Benfica que visa poder manipular resultados e situações pouco claras no Futebol Lusitano.

O Pato do Tavares-Teles do Jogo, para lá de uma semana de capas a "ver.borrar" contra a influência negativa do Gigante da Capital ... lá dentro, artigo após artigo, lutaria pela causa ímpar do combate ao centralismo, as diferenças éticas entre o comportamento do Porto, um misto de «promete e faz» ...«dou e nunca roubo» versus o Benfica dos túneis e das manobras manipuladoras.

Os jornais e restantes media do Joaquim Oliveira, por exemplo a SportTv, onde jornalistas em off, diriam graçolas referindo-se ao caudelhismo do clube das promessas vãs e às tentativas de sonegar pela força das offshores, jogadores, impingindo uma lista de contratações falhadas como moeda de troca... neste caso específico com insucesso, e que no receio de algo mais grave, tivesse pedido encarecidamente ao Presidente do Clube Brasileiro, que mandasse com urgência o jogador de volta para a Pérola do Atlântico!


Que se diria nos cafés, empresas e lares deste País?

...

Qualquer Benfiquista como eu, apanharia a chance que me faz diferente por ser genuíno e Benfiquista, e ao contrário dos adeptos dos outros clubes, atacaria sem dó nem piedade, a Cleptocracia do mandato de Luís Filipe Vieira, dizendo como eram podres as suas promessas, como eram nojentas as suas manobras subversivas para poder comprar jogadores ... enfim, tivesse isto acontecido realmente com o meu Clube, com uma História da qual me orgulho, feita de luta e verdade, morreria certamente de vergonha e sem qualquer medo meteria o dedo na ferida, e arrancaria mais um post azedo e cruel.


Mas não tenho essa chance, sou do Benfica.

Teria se fosse um jornalista isento e não cobarde.

Se não fosse um protegido e receoso escriba, curvo com uma acentuada "escoliose jornalística" de anos e anos a fim dobrando-me com receio do Papado das Antas ... ou se tal não tivesse acontecido com um clube que se esforça para ser grande, mas nunca será Grandioso como o meu.


Há tanto jornalista com vontade de escrever sobre o assunto.
O que vos faz não fazê-lo, Caros Senhores?

Entre o Pullitzer e a "caneta de aluguer", há um intervalo enorme que pelos vistos para alguns de vocês, é notoriamente a vossa praia.
É o vosso Dreamland onde vocês se esforçam por agradar, subservientes nas linhas ou nas frases que nos servem diariamente.


Mas por enquanto, nada!

Passaram 6 meses, as casas foram oferecidas(coisa pouca, mas promessa cumprida!), o jogo entre a agremiação e o misto insular ainda não se fez, as relações entre o Papa da Madeira e o Papinha das Antas azedaram e criou-se nesta luta entre vinhos espirituosos, entre o Madeira Dry e o Porto Twany, uma nova classe capaz de fazer azedar a melhor das colheitas.

Sois vós enólogos-cronistas-desportivos da treta, que mais uma vez se acagaçaram!



Um Abraço do Papoila Calmante

4 comentários:

lampi disse...

É o sitio onde vivemos. O estado do jornalismo diz muito sobre a qualidade sobre o país.

José disse...

Muito bem escrito, mas ñ me admira nada os jornaleiros e pa(I)neleiros cá do burgo ñ falar, pois qualquer coisa que venha daquela agremiação corrupta, é logo tratado com paninhos quentes, já agora imagina o que eles diriam se o ENORME, ganha, como eles ganharam nestas 3 jornadas, havia um levantamento popular dos mesmos...

DeVante disse...

ENORME POST!!!

Da dimensão do nosso clube! Isto merecia a BTV e a Mística!

Vladimir Kaspov (NãoSeiDaNave) disse...

Muito bom caro Papoila! E com ironia como eu gosto.