domingo, 12 de junho de 2011

O campeonato ganha-se nas primeiras jornadas

Se fizermos uma resenha sobre o que tem sido os campeões nos últimos anos na liga portuguesa, chegaremos facilmente à conclusão de que com algumas raras excepções, tudo foi decidido nas primeiras 6 a 8 jornadas. Existe claramente essa tendência ao longo das últimas duas décadas e não é algo que seja para levar de ânimo leve. Se queremos reconquistar o campeonato temos que entrar com a mentalidade adequada, temos que entrar a matar, à semelhança do que aconteceu na época de 2009/2010 com o "rolo compressor". Num campeonato que tem os seus vícios e ciclos viciosos, uma distância de 7 a 8 pontos, vamos supor na 8ª jornada é quase irrecuperável. Quantas vezes já não vimos nós este filme, sempre com o mesmo desfecho e quase sempre com os mesmos protagonistas.

Cabe ao Benfica reduzir a probabilidade de tal acontecer, e isso é conseguido preparando no defeso a equipa para tal, tendo um planeamento desportivo competente. Se em relação às arbitragens tudo o que podemos esperar é que o futebol seja decidido dentro das quatro linhas, com justiça e equidade (sabendo que muitas vezes tal é literalmente impossível), no que toca a combater os nossos erros, só dependemos de nós próprios. Um Benfica forte, um Benfica competente, terá sempre muitas mais possibilidades de ultrapassar os obstáctulos que poderão surgir pela frente, sejam eles quais forem. Um Benfica débil, será incapaz de remar contra a maré, e revelerá uma inabilidade para contornar os momentos mais difíceis.

Não vale a pena atribuirmos às arbitragens a única causa dos nossos insucessos como em tempos mais recentes aconteceu em diversas ocasiões, pois isso será apenas sacudir a água do capote. Muitas vezes os nossos erros foram desculpabilizados dessa forma e isso contribuíu para que continuássemos desatentos sobre o que temos que fazer dentro da nossa casa, com vista a tornar-nos mais fortes. Penso que neste momento, essa lição aparentemente está aprendida, digo aparentemente, porque nunca fiando. Acho importante esta chamada de atenção nesta altura, pois estamos a escassos dias de entrar numa pré-época, numa temporada onde os benfiquistas têm a ilusão de ver o clube retornar aos sucessos. É fundamental o Benfica concentrar-se no essencial e deixar os alaridos de lado, para outros protagonistas. Esses alaridos desviam-nos do nosso caminho.

Por outro lado, é fundamental o clube estar preparado para os jogos de bastidores que todas as épocas acontecem. O que disse no parágrafo anterior, não significa que não dê importância a este tipo de jogos fora de campo. Aliás dentro do nosso futebol, infelizmente esses teatrinhos ganham pontos, condicionam dirigentes da liga de clubes e respectiva comissão disciplinar, condicionam dirigentes de equipas de futebol e respectivos treinadores, condicionam dirigentes da arbitragem e os árbitros que estão sob sua tutela, com tudo o que isso tem de mau. O Benfica o que tem que fazer é saber bloquear todas as interferências que possam suceder, mas nunca, nem por um momento esquecendo o importante que é aquilo que podemos fazer dentro de campo. Da conjugação destes dois factores e da forma como somos assertivos ou não em geri-los, residirá o nosso sucesso ou o nosso fracasso.

Desde a primeira jornada, desde o primeiro minuto, temos que encarar cada jogo, como se de uma final se tratasse, teremos de estar sempre com a motivação no máximo e com os níveis de concentração elevadíssimos. Se isso acontecer, com quase toda a certeza, afirmo perante vós de que seremos novamente campeões nacionais. Nas primeiras jornadas da liga é onde está a chave para tudo o que de bom ou mau se vai desenrolar durante a época - não tenho dúvidas nenhumas sobre isso, já estão mais do que avisados.

14 comentários:

JOÃO VAZ disse...

O Benfica de Quique andou em primeiro até meio do campeonato. Isso não é bem verdade, só há uma maneira de ser campeão em Portugal.

Chama Imensa disse...

Concordo com o que disse. Temos de estar bem preparados à semelhança do que aconteceu em 2009/2010, onde nem as más arbitragens (que também as houve!!) nos conseguiam derrotar...

Anónimo disse...

Sacudir a água do capote..

CP disse...

A dez dias do início dos trabalhos para enfrentar a nova época, temo que a "carruagem" da preparação comece a ganhar os mesmos defeitos da época 2010/201. Vejamos: 1º - Há jogadores que faziam parte do plantel ou contratados, que atrasaram o início de devido a compromissos das selecções, pelo que vão ter talvez 15 dias de férias; 2º - Com a disputa da Copa América, pelo menos dois defesas - Luisão e Maxi - marcarão presença na competição, facto que os priva de estarem às ordens de JJ e começar a trabalhar a tempo e horas; 3º - Realiza-se o Campeonato de Sub-20, no qual o SLB terá alguns jogadores; 4º - A não ser que haja negociações no segredo dos Deuses, o substituto do Ramires ainda anda por aí, "perdido" num qualquer clube, tal como o substituto de Di Maria, já que o Gaitan tem características para outro lugar e Fernandez deve ter vindo conhecer Lisboa e o Estádio da Luz, do mesmo modo que vieram Shaffer e Patrick; 5º - Caso o SLB tivesse ido à final da Taça de Portugal, lá teria que disputar a Supertaça em 07 de Agosto, dia a seguir à prevista realização da "Eusébio Cup", o que me leva a crer que a não ida à final da Taça acabou por ser encarada como uma benção: 6º - Com a pré-eliminatória da LC a disputar-se a 2 ou 3 de Agosto, a "Eusébio Cup" seria, creio, disputada na semana que antecede a 1ª jornada da Liga portuguesa, ou seja, enquanto os outros andam a preparar os jogos a sério para a Liga portuguesa, no SLB anda-se na corda bamba à procura não se sabe bem de quê; 7º Lembremo-nos o que aconteceu na época passada: disputou-se a "Eusébio Cup" a uma terça-feira (e com uma derrota) e no sábado teve lugar a Supertaça (com nova derrota), a que seguiram os desaires frente à Académica e Nacional; 8º A entrevista de LFV à TVI foi pautada pelo atabalhoamento e não se sabe bem que lugar vai ocupar Rui Costa; 9º - A novela Coentrão está a tomar os mesmos da novela Di Maria, pois até parece que ninguém meteu na cabeça do jogador "caxineiro" que há uma cláusula de 30 milhões, para quê "botar faladura" e andar apregoar o seu amor ao Benfica; 10º Como se os desaires no futebol não fossem suficientes, as modalidades seguem o caminho do insucesso, conforme provam os dois jogos perdidos (na LUZ) em futsal (o de ontem foi de bradar aos céus, sofrendo dois golos no último minuto) e a eliminação da equipa de hóquei em patins (na LUZ) frente ao Candelária.
Algo não corre bem no reino encarnado. Até no voleibol perdemos o campeonato para o Fonte Bastardo e nem em casa se consguiu ganhar! Tem sido mau de mais para ser verdade.
Saudações benfiquistas.

Far(away) disse...

João Vaz, obviamente que existem algumas excepções, mas a esmagadora maioria das últimas ligas, decidiram-se logo no início, por uma vantagem amealhada em relação ao segundo lugar. Aliás sempre que o Porto tem ganho, tem sido assim. Há que estar preparados para isso.

Anónimo disse...

Quantidade não falta para entrarmos a matar, com a quantidade de jogadores que temos se calhar vão deixar-nos jogar com 22 de início e mais 18 no banco.

Enfim, mais uma época planeada em cima do joelho. E no resto das modalidades é tudo igualzinho.

João Costa

MS disse...

Eu diria algo parecido: o campeonato nao se ganha nas primeiras jornadas, mas perde-se nas primeiras jornadas.

karlos disse...

O Benfica acusa a PSP de «excessiva violência e extrema dureza» contra «pessoas indefesas, incluindo crianças e idosos», após o jogo de futsal com o Sporting disputado este domingo, na Luz.

«O Sport Lisboa e Benfica lamenta os incidentes causados este domingo pela Polícia de Segurança Pública dentro e nas imediações do Pavilhão Império Bonança, após o jogo de futsal que opôs Benfica e Sporting. Aquilo que se passou depois do espectáculo desportivo foi uma vergonha. Há comportamentos policiais repetidos nos pavilhões do clube que não têm qualquer justificação», acusam os encarnados, em comunicado divulgado no site oficial do clube.

«Alguns efectivos destacados para garantir, como é normal, a segurança no recinto carregaram sobre pessoas indefesas, incluindo crianças e idosos. Estes actos, de excessiva violência e extrema dureza, representam precisamente algo pelo qual o "Corpo de Intervenção" da PSP devia ter repugnância. Mas pensar assim, pelos vistos, é um engano», lê-se.

Considera o clube da Luz que, «para ter este tipo de intervenção exagerada, desmedida e indiscriminada é preferível a Polícia deixar de ir ao Complexo Desportivo do Sport Lisboa e Benfica».

Anónimo disse...

Onojo diz que o Slb está perto de garantir o Danilo do Santos. E o Maxi? Não era o Wass a alternativa imediata para o Maxi? Vai ser emprestado?
Deixar o Maxi sair a zero é que não! Talvez tudo isto não passe de mais uma amostra da inferioridade dos andrades. Dizem que o slb quer o Danilo quando já está numa fase avançada de negociações com o fcp. Depois é o circo dos pequeninos ao dizerem que o jogador foi desviado...

Far(away) disse...

MS, no fundo é a mesma coisa, ehehe!

CP, li com atenção o teu post, e tens muita razão no que dizes. Contudo o substituto de Di Maria será Nolito, embora com características diferentes, e o tal médio que possa fazer de Ramires pode muito bem ser o Enzo Pérez (a confirmar-se mesmo a contratação) com o bónus de ser também perigoso a nível ofensivo.

De resto subscrevo tudo o que disseste.

Anónimo disse...

Sim, o Benfica da época passada nem a ser roubado dava hipóteses, mas essa equipa deve ter sido o campeão nacional a jogar mais à bola nas duas últimas décadas. A jogar melhor só mesmo o Barcelona... não contemos com épocas iguais, ok?
O Slb tem que entrar forte e a mostrar igualmente uma posição de força fora do campo porque as 1ªs jornadas são decisivas. Na última temporada nem deixaram o Slb chegar perto do fcp com o Olegário, Soares Dias, Vasco Santos e Jorge Sousa a apitarem muito bem. Então só o Jorge Sousa foi o que mais jogos do Slb apitou e mais amarelos distribuiu... Há que ter muita atenção que na liga portuguesa fora de campo também se dá espectáculo! Que a equipa não volte a ser surpreendida com controlos anti-doping na semana do jogo com o fcp...

Far(away) disse...

Karlos, isso dos ataques da PSP aos benfiquistass não vem de agora infelizmente. O uso abusivo e excessivo da força, é já uma situação comum. Ainda bem que o Benfica manifestou-se contra tal, desta vez, mas é preciso muito mais do que palavras.

Anónimo disse...

Não sou benfiquista, não sou Portista, não sou Sportinguista. Sou um dos rarissimos apreciadores de futebol que não sente necessidade de ter um clube.
Posto isto digo, nunca vi época tão mal planeada como a que está a ser a próxima época do benfica. A renovação da equipa é excessiva, uma equipa demora a entrosar-se, os contratos são feitos praticamente de improviso. Um desastre completo.
Preparem-se para lutar pelo 3º lugar com o Braga.

Camilo

Anónimo disse...

ó anónimo mas tu percebes alguma coisa de planeamentos de epoca? pelo que dizes nota se bem que não pescas nada do assunto.
renovaçao excessica LOL
mas qual renovaçao excessiva? pra já nenhum jogador titular saiu do plantel, e se vierem a sair, serão apenas 2, coentrão e cardozo.
a quantidade de jogadores contratados é uma prevenção, que é pra não se repetir o que aconteceu nesta ultima temporada.
certamente o plantel não será curto, nem desiquilibrado.
e agora pergunto, qual é o problema de ter tantos jogadores? não percebo o porque do alarmismo ridiculo de alguns benfiquistas, se é curto criticam, se é comprido criticam igual, oh pá vão se mas é tratar.
esta epoca está a ser melhor preparada ate do que quando o Benfica foi campeão à duas epocas atras, senão vejamos, a equipa titular campeã: Quim, Maxi, Luisão, David Luiz, Fabio Coentrão, Javi Garcia, Ramires, Aimar, Di Maria, Saviola e Cardozo, mais Carlos Martins e Ruben Amorim.
o resto do plantel, poucos foram os que esporadicamente apareceram, casos Peixoto, Weldon.
o Urreta jogou 45 minutos e foi emprestado em Janeiro, o Nuno Gomes jogou tanto como esta ultima epoca mas so marcou 1 ou 2 golos, chegaram em janeiro o Kardec, Airton e Eder Luis.
este plantel era curtissimo, a sorte foi não ter havido lesões, como por acaso aconteceu esta epoca que acabou em jogadores essenciais à equipa.
imaginem que nessa epoca o di maria se lesionava, qual era a alternativa? peixoto? pois, não havia, não se esqueçam que o weldon chegou a jogar a extremo esquerdo quando o di maria estava castigado.
o ramires esteve algumas vezes com pequenas lesoes, jogou o martins ou o amorim, mas imaginem que o amorim se tivesse lesionado como se lesionou esta epoca que acabou no qual praticamente nao jogou? sobrava o martins nao era? e o aimar que muitas vezes so jogava de semana a semana? quem o substituia? era o martins certo? pois, e entao o lado direito? so se utilizassem a lesma do menezes, pois nao havia mais ninguem.
e o maxi? que tambem precisou de descansar algumas vezes? o amorim fazia o lugar e bem nao foi? pois, mas nesta suposiçao o amorim está lesionado, quem sobra? o sidnei a defesa direito?
e o proprio saviola se estivesse em má forma como esteve a maior parte desta ultima epoca? jogava o eder luis? tem tudo a ver nao é?
se isto acontecesse acham que o Benfica teria sido campeão? pois...

logo, esta epoca está a ser muito bem preparada, as lacunas deixarão de ser lacunas e todos os jogadores terao alternativas crediveis.
se houver alguma lesao ou qualquer coisa parecida, nao haverá problema pois está tudo bem definido e o substituto nao vai comprometer.
e para isto é necessario ter jogadores em quantidade suficiente.
estao a entrar jogadores muito melhores do que os que estao a sair ou pra sair.
nem que o plantel tenha 28 jogadores qual é o problema? nao se esqueçam que os jovens portugueses que regressam e os 2 que foram contratados talvez nao fiquem todos no plantel e alguns a ficar será porque a fifa ou a uefa obriga à inscrição de jogadores portugueses, mas isso nao quer dizer que eles contem para as contas do treinador para a maioria da epoca.
e serão feitos mais de 50 jogos, é necessario fazer uma boa gestao ao longo da epoca.
o Benfica vai entrar em 4 competições e vai haver muito tempo para por todos a jogar.
mas claro alguns ja na pre epoca vao sair, dependendo das suas qualidades no momento, so podem ficar os melhores.