segunda-feira, 2 de abril de 2007

Não Desistiremos!

Noite triste a de ontem...
O Benfica teve tudo para vencer, e acabou por deitar tudo a perder em 45 minutos apáticos, medrosos e sem garra. Mas a diferença entre este Benfica e outra equipa qualquer está mesmo aqui, nós nunca atirámos a toalha, nunca desistimos, e por isso, merecíamos outro resultado que não um tristonho empate que adia tudo para as próximas jornadas...

Mas voltemos ao ínicio, Fernando Santos apresentou uma equipa sem surpresas, enquanto por seu lado Jesualdo colocou Jorginho de ínicio e colocou o Porto a jogar em losango. E com o Porto a controlar o ritmo da partida, e o Benfica a jogar mal, muito mal na 1ªªParte, foi sem surpresa que Pepe colocou os azuis-e-broncos na frente, num lance em que Anderson enterrou as aspirações da equipa, como já o tinha feito com Paris-SG, Paços de Ferreira, Manchester United...Arrisco-me mesmo a dizer, que com Luisão em campo e teríamos mesmo ganho.
Mesmo assim, tivemos várias oportunidades para marcar, com Miccoli e Petit (por 2 vezes). E ainda valeu Quim, com uma Fabulosa defesa a iniciativa de Adriano.

Tudo para as cabines e resultado justo, em 0-1.
Mas no regresso tudo foi diferente. Empurrados pela alma encarnada personificada no Maestro Rui Costa, fomos para cima do Porto, e fizemos 45 minutos brilhantes, com excelentes oportunidades desperdiçadas por uns desinspirados Miccoli e Nuno Gomes. Com Léo em forma e Nélson numa das suas melhores partidas dos ultimos tempos, David Luiz simplesmente Brilhante e um energético Karagounis, só dava Benfica, e o golo acabou mesmo por surgir a 7 minutos do fim, num excelente centro de Simão, para o cabeceamento ao poste de David Luiz, com Lucho a meter a bola na baliza num castigo hilariante por todo o anti-jogo praticado pelos comandados de Jesualdo em toda a 2ªParte, principalmente Adriano...Com 1-1 e cerca de 10 minutos para jogar, o jogo ficou energético e só um inspirado Hélton tirou os 3 pontos ao SLB. Mantorras num fabuloso movimento de cabeça, depois de um excelente centro de Karagounis e Derlei num remate acrobático podiam ter dado a vitória ao Benfica.

Com 7 jogos por realizar, fica a sensação que tudo está em aberto.
O Porto tem o ponto de vantagem, mas do Benfica fica a certeza que não desistiremos.
Eu Acredito!


PS: Sem comentários para os javardos dos Super-Cagalhões.
Iguais a si próprios...Uma vergonha.

6 comentários:

Sir disse...

Foi um jogo very, very light. If you know what I mean..

No global, parece-me que o Benfica foi superior. À excepção do primeiro quarto de hora, controlamos sempre o jogo. Fomos mais fortes, e só graças a um brilhante Hélton é que não saímos na liderança.

Individualmente, David Luiz, Léo e Rui Costa estiveram a bom nível.

Eu também acredito, e ainda há muito para jogar!

Quanto aos Super-Escabrosos, deviam ser obrigados a ver o jogo numa jaula gigante, de onde nunca deviam ter saído.

Marquês de Barrabás disse...

Sem querer estar sempre a bater na mesma tecla, e admito que o Nuno anda desinspirado, mas ele nunca, nunca deixou de lutar. Pressionou muito, a distribuir jogo continua o melhor, e teve um grande remate aos 48'.

Em relação ao ManTorras, volto a afirmar, ele não merece ser desprezado. No dragay já tinha entrado bem, e agora repetiu. Oiçam o que vos digo: contra equipas que defendem muito atrás, o nosso angolano continua a ser uma excelente opção.

Saudações benfas, e continua tudo em aberto.

Galaad disse...

Tudo em aberto e, evidentemente, que nunca desistiremos!!! Desisitir é apanágio dos fracos e, enquanto nos restar um sopro de vida estaremos sempre aí... na luta!!!

Eu ainda acredito!!! Comentei com amigos na véspera do jogo que não estava muito confiante mas que, e disso tenho a certeza, o campeonato não nos fugirá.

Carrega Benfica, rumo ao trigésimo segundo!

You'll never walk alone disse...

O mal é dependermos do Futebol Corrupto do Porto,é que esses têm calendário fácil...e nesta recta,certamente que irão abrir as pernas para os senhores de tons azulados.
Vamos ver...temos de vencer tudo também,e tá na hora de para isso,começarmos a jogar mais que 45 minutos de qualidade,para 90 minutos de qualidade.

Pedro Morgado disse...

Colocar as claques visitantes no 3º anel foi uma medida completamente irresponsável. Falta apurar os culpados.

É que, no meio desta história, alguém está a mentir.

Marquês de Barrabás disse...

Ninguém quer acartar com as culpas. Nem o Benfica, nem a polícia, e muito menos os porquistas, que ao fim ao cabo são os verdadeiros responsáveis.