segunda-feira, 20 de agosto de 2007

Porquê?


Porquê?

Porque é que dos quatro últimos treinadores, foi preciso chegar ao pior para este ter uma segunda oportunidade?

Porque é que é sempre a nós?

Porquê?

Porque é que somos masoquistas todos os dias?

Porque é que já todos perderam o respeito ao mais grandioso de todos os clubes portugueses?

Porque é que cometemos os mesmos erros, sucessiva e infinitamente?

Porque é que o Camacho está desempregado?

Porque é que temos um treinador que muda três vezes de sistema táctico no mesmo jogo?

Porque é que vamos todos na conversa de um discurso demagogo e populista, e não temos expressão para exigir nada de volta?

Porque é que o Fernando Santos não se vai embora, se, como qualquer adepto, o que quer é o melhor para o Benfica?

Porque é que andamos sempre a correr atrás?

Porque é que José Veiga saiu do Benfica, e porque é que alguma vez lá entrou?

Porque é que qualquer jogador que se digne a esticar a perna se arrisca a sair lesionado?

Porque é que não temos um director desportivo?

Porque é que, mais uma vez, vamos andar a tapar lacunas até dia 31?

Porque é que contratámos jogadores para emprestar, se nem conseguimos despachar os excedentários que cá temos?

Porque é que eu, de vez em quando, me ponho a sonhar?

Porquê?

Porque é que há crianças a morrer à fome em África, e o Fernando Santos é pago para me tirar a vontade de comer?

Porque é que a sorte calhou ao Mantorras, e não a outro qualquer miúdo do Darfur que ficasse realmente grato?

Porque é que destruímos tudo o que Camacho havia construído?

Porque é que o Soneca não serviu para nós?

Porque é que o caso Apito Dourado não me traz a satisfação que me traria um título?

Porque é que o nosso treinador é um padreco com cara de constrangido?

Porque é que não o trocamos com o Ratzinger?

Porque é que, por mais que ele reze, as coisas lhe correm sempre mal?

Porque é que isto só nos acontece a nós?

Porquê?

Porque é que eu estou a escrever este post num formato extremamente repetitivo?

Porque é que não fazemos o nosso próprio 25 de Abril (em maior escala, obviamente)?

Porque é que continuamos a aceitar desculpas atrás de desculpas, como se nada fosse, se o Muro das Lamentações é em Jerusalém?

Porque é que, ao fim de tantos anos de glória, e depois de muito declínio, a equipa de basket vai jogar para a divisão secundária?

Porque é que se perdeu, e para onde foi aquela mística?

Porque é que os adeptos só puxam quando a equipa está bem?

Porque é que se vai, num ápice, da desgraça à euforia - e vice-versa?

Porque é que, neste momento, eu estou disposto a dar um dos meus membros para que o Benfica contrate o Daúto Faquirá?

Porque é que há sempre um qualquer caso, para que se possam desculpar as nossas derrotas?

Porque é que vamos na conversa dos bodes expiatórios, se continuamos a ser encornados?

Porque é que o Sevilha não leva o Nélson embora?

Porquê tanto medo de arriscar?

Porquê?

Porque é que o Karagounis saiu, de graça, e nunca ninguém disse nada?

Porque é que é sempre a nós?

Porque é que, a cada linha que escrevo, mais amo o meu clube?

Porquê?

6 comentários:

LuísPessoa disse...

Como te entendo, Sir!

slbcarlitos disse...

Essa do Dauto Faquirá já me passou também pela cabeça e olha que gostava da ideia por ser um treinador jovem com bom discurso e com bons resultados em equipas fraquitas.
Todos os outros porquês têm respostas óbvias: INCOMPETÊNCIA.

António Fernandes disse...

O Porquê de tantas coisas que se passam no nosso clube e que são referidas e bem neste post quanto a mim são porque o Benfica está amaldiçoado e as coisas andam sempre ao contrário, continuo com a minha que enquanto assistirmos a jogos do Benfica com bandeiras NN o clube não voltará a ser o mesmo que foi antes de 1992, façam um resumo do que o clube foi até 1992 e o que passou a ser a partir daí e as coisas que aconteceram desde aí.

Só não vé quem não quer, é claro que não é só por isso, mas que ajudam muito á constante depressão e instabilidade que se vive no Benfica é pra mim uma certeza.

Na sexta no Bessa vi uma bandeira ou tarja a dizer....NN MARGINAIS...GOSTAVA QUE ALGUÉM ME EXPLICASSE O QUE TÉM ISTO OU AQUELA TARJA A VER COM O BENFICA E O QUE AQUILO ACRESCENTA Á MÍSTICA BENFIQUISTA....

Saudações benfiquistas, estou feliz por Camacho ser de novo o nosso treinador, mas precisamos de REAVER a mística benfiquista e isso SÓ COM BANDEIRAS E TARJAS ALUSIVAS AO GLORIOSO MAIS NADA.

É a minha convicção, de alguém que acompanha o Benfica há mtos mas mesmo mtos anos.

Pedro Neto disse...

;)

Luís disse...

Concordo plenamente com o que foi dito, mas isso deve-se essencialmente a nos ultimos anos termos tido presientes imcompetentes e vigaristas à frente deste clube que tantas alegrias ja nos deu a todos. Enquando essa corja de mafiosos nao for banida do clube nao chegaremos a lado nenhum.

Anónimo disse...

os marginais são um núcleo dos no name boys, oriundos da linha do estoril (estrada marginal, diz-vos alguma coisa?).