terça-feira, 14 de setembro de 2010

Comunicado do SL Benfica

Após a reunião dos Órgãos Sociais do clube foi emitido um comunicado com 7 pontos. Este post é apenas um resumo do comunicado oficial, com as frases que considero mais importantes. Podem ler o comunicado na íntegra no site oficial do Benfica. A saber:

a) A falta de credibilidade que está a atingir a arbitragem enfraquece o futebol e só quem não está preocupado com o futebol pode estar satisfeito com a presente situação. Não é ilibando, nem protegendo aqueles que reiteradamente erram que se protege o futebol. Há quem veja e queira fazer-se de cego. A esses, essa cegueira tem de custar-lhes caro. O futebol não é viável sem verdade e sem acções. O senhor Vítor Pereira deve pronunciar-se sobre o que se passou, sobre o que pensa fazer para o futuro e sobre o entendimento que tem – na forma e no tempo - sobre a homenagem promovida no dia 5 de Setembro, pela Associação de Futebol do Porto, ao senhor Olegário Benquerença.

Ataque directo às actuais arbitragens, e com toda a razão. Com a Académica em Guimarães foi notório que houve, mais que incompetência, segundas intenções. Segundas? Não, espera, a única intenção de Cosme e Olegário era roubar descaradamente o Benfica, e conseguiram. A esta hora já terão mais uns cobres nos bolsos. E é magnífico que a AF Porto homenageie esse escroque que incrivelmente nem pertence a tal associação. É à descarada e ninguém faz nada.

b) Compreendemos e associamo-nos ao movimento de indignação que desde sexta-feira varre o país. Face à adulteração da verdade desportiva, queremos pedir aos sócios e adeptos do Benfica que continuem a apoiar, de forma inequívoca e sem reservas, a equipa nos jogos que o Benfica realiza no Estádio da Luz, mas que se abstenham de se deslocar aos jogos fora de casa.

Aqui é que começa a ser difícil: por um lado percebo e entendo que impedir os nossos adeptos de irem aos estádios dos adversários é positivo na medida em que são logo menos uns bons milhares de euros que entram em casa de clubes que recebem, muitos deles, vários jogadores emprestados de um certo clube; por outro lado a equipa precisa do apoio dos benfiquistas dentro dos estádios. E jogando sem o apoio dos adeptos fica ainda mais difícil. Não sei até que ponto esta medida é positiva, nem sei sequer se vai ser acatada pelos adeptos, nomeadamente pelas claques.

c) Solicitar ao Presidente do Sport Lisboa e Benfica a suspensão imediata de quaisquer negociações relativas aos direitos televisivos relativos aos jogos da sua equipa profissional a partir da época 2012/13 que possam estar a decorrer com a Olivedesportos. Mais, foi igualmente solicitada uma avaliação no sentido de apurar a possibilidade do Clube passar a gerir de forma autónoma os seus direitos audiovisuais.

Já não é a primeira vez que isto é dito. Não deixa, no entanto, de ser positivo e acredito seriamente que desta vez é que é. Porquê agora? Porque atingimos o ponto de saturação. Chega! Basta! Não é pela Sporttv que se perdem os campeonatos, os comentários deles não trazem derrotas, sejam em on ou em off, mas... chateiam. Irritam, molestam, o que quiserem. E está na hora de pagar pelo que disseram. Por falar em pagar, é importante ressalvar o seguinte: se é para acabar façam-no, mas que o Benfica não saia financeiramente prejudicado desta situação.

d) Equacionar, em face do desgaste e da falta de garantias de isenção na arbitragem agora evidenciadas, a participação na presente edição da Taça da Liga.

Sempre disse que esta competição era algo entre a Taça de Portugal e o Torneio de Guadiana, a mim pouco me diz apesar de a termos ganho. Digo mais: seria interessante convidar um grande clube europeu para jogar connosco um amigável no dia da final da Taça da Liga. Acham que íamos ter menos público que uma final entre Sporting e Porto? Nunca.

e) Solicitar à comunicação social que, fazendo o seu trabalho, denuncie quem adultera as regras. Que investigue as notas que alguns observadores têm atribuído a algumas actuações de árbitros. Que compare aquilo que sucedeu no campo com a nota posteriormente atribuída.

Não bastava já visível tendência dos árbitros para prejudicarem o Benfica, como agora até os observadores não fazem o seu trabalho com isenção. Lembram-se da nota fraca de Pedro Proença no Porto - Benfica de 2009, época com Quique Flores? Teve, salvo erro, 2,2 em 5, mas por, imagine-se, beneficiar o Benfica! Mesmo com aquele penalty fantasma do Yebda que custou um campeonato. Brilhante! Investiguem.

f) Solicitar ao Senhor Ministro da Administração Interna uma audiência para debater a violência de que a equipa do Benfica tem sido alvo cada vez que se desloca ao Porto. Não queremos confundir as gentes do Porto – que seguramente não se revêem neste tipo de comportamento – com um grupo de delinquentes que organizada e reiteradamente e de forma impune têm vandalizado o autocarro do Benfica e atentado contra a integridade física dos seus atletas.

Num país minimamente civilizado isto não aconteceria. Nem isso nem almoços na Assembleia com um homem que tem "CULPADO" tatuado a maiúsculas na testa. O problema é que não é a primeira nem será a última vez que estes acontecimentos sucedem. E os responsáveis estão identificados, agora, pedir às forças policiais do Porto que combatam o crime é um contra-senso.

g) Declarar o Secretário de Estado ‘persona non grata’ pelo trabalho que prestou ao futebol português. Abandonou a anterior Direcção da Liga no seu combate pela credibilização do futebol português, alheou-se – por completo – do processo “apito Dourado”. É, ainda, o responsável por nada fazer para aplicar a lei, pelo que a arbitragem e a Comissão Disciplinar continuam na Liga, quando já deviam estar na Federação Portuguesa de Futebol desde 1 de Julho.

Este cachalote devia desaparecer de circulação depressa. Se o PS tivesse o mínimo de bom senso já o tinha despachado, mas o homem que prefere caçar o Nuno Assis a interessar-se pelo Apito Dourado está alinhado com certos interesses. É um verme e merece ser tratado como isso, neste momento consegue estar, na minha opinião, ao nível de Pinto da Costa (o que para este senhor é um elogio). É bom que o retirem depressa, até porque já assisti no passado a uma legislativas decididas pelo Benfica. Não gosto nada disso, misturar política com futebol, mas eles, os políticos, assim o escolherem e ainda hoje cá continuam.

7 comentários:

CP disse...

Uma correcção em relação ao comentário à alínea a). O roubo não foi em Coimbra, mas sim na Luz. É que esses dois batanetes (tal como outros) já não têm pejo em roubar o SLB na própria casa. Se tivessem a coragem de fazer com um determinado clube aquilo que fizeram e fazem com o SLB, por certo que já tinham deparado com qualquer coisa para contar aos seus. De resto, considero que os comentários estão correctos, se bem que o boicote aos estádios dos adversários provocasse mossa financeira. Da parte do Rio Ave já houve quem se pronunciasse nesse sentido. CARREGA BENFICA!

troza disse...

Excelente post. So quero dizer duas coisas:

1 - cortar com esse canal é bom. Muita mente benfiquista não vê a verdade porque dia após dia eles vão dizendo mentiras e há quem acredita. Não é que toda a gente acredita que o Benfica o ano passado foi levado ao colo quando a realidade é outra? O ano passado o Benfica não ganhou o campeonato no dia em que ganhou ao Braga por causa dos arbitros. Claro que estou a exagerar no quão cedo o Benfica teria ganho. Mas teriamos ido a Liverpool com os melhores jogadores frescos pois a vitória no campo da Naval não seria uma obrigação. E os castigos do Hulk e do Sapunaru pecaram por escassos.

E este ano há gente do Benfica que diz que a culpa é do Roberto e tal. O factor moral e o factor confiança também contam muito. E se ajudam quando uma equipa vai na frente, dificultam ainda mais quando uma equipa vai mal. Podemos não estar a jogar o nosso melhor mas o ano passado também começamos com exibições menos conseguidas nos primeiros jogos. Mas conseguimos alguns pontos (mesmo sendo roubados contra o Marítimo) e isso levou a equipa para outro nível. E se nós hoje estamos mal é por causa dos arbitros. Se não fossem eles, já estavamos a jogar muito melhor.

2 - Quanto a não verem o Benfica fora... o Benfica sabe que este ano vai ser difícil, se não impossível, ganhar o campeonato. Esta coisa é boa porque faz com que os outros clubes pensem duas vezes antes de se aliarem ao Porto. O mau é que pode inverter a situação e nós também não queremos isso. Queremos que eles lutem ao máximo todos os jogos. Queremos campeões justos e fortes. Quanto ao facto de deixar a equipa sozinha... A maior falha que pode ter não é ter uma equipa sozinha pois um ambiente adverso também pode motivar a equipa mais fraca. É o que pode acontecer em alguns campos do norte: a coligação Porto-Sporting meter lá muita gente a torcer contra o Benfica. Mas eu acho que é uma medida a tomar. Gostava que não fosse cumprida na Madeira por solidariedade ao Marítimo deste ano, nem contra o Portimonense. O resto podia ir tudo a zero Benfiquistas na bancada.

Bimbosfera disse...

Boas. Praticamente tudo de acordo, particularmente o ponto que fala das assistências, mas, sinceramente, durante alguns jogos, só mesmo em tom de aviso, sobretudo se apanhar jogos dos submissos no meio, e não falo do Sporting, falo dos outros todos, «arraia-miúda», em que se lhes falta o Benfica, falta o dinheiro para pagar os ordenados da época, em que, depois de 2 ou 3 jogos desses, o Benfica dissesse que, até ver os adeptos estavam à vontade para decidir por si, era certinho que afinavam logo uma série deles... Certinho!
De resto, muito lúcido todo o post, e comentários ao comunicado!

Abraço

Márcio Guerra, aliás, Bimbosfera

Bimbosfera.blogspot.com

Papoila calmante disse...

Boa escalpelização do comunicado.
Logicamente a controvérsia dos adeptos e do pedido da não comparência no campo adversário é que deixa-me alterado. Entendo, mas vai contra a génese do Benfica, por isso para mim era um ponto desnecessário.
Em relação a não participar na Taça da Liga, bom é discutível, mas parece que pelos regulamentos tal não pode acontecer, senão o Benfia era excluído da competição maior.

Olivedesportos ... nem tenho pachorra para falar nisso, duvido que aconteça como nunca duvidei que o Joaquim lá estivesse hoje na bancada. Claro que pode lá estar, mas custa!

Abraço

iBenfiquista disse...

Para a Académica, o jogo com o Benfica são 25% do orçamento anual, e para o Olhanense, 30%... A sua falta é um buraco de todo o tamanho.

Anónimo disse...

Em relacão a isso do " ninguem vive sem o Benfica" , eu até acho que era mais um motivo para os adeptos de slb irem aos estadios do portimonense, rio ave , leiria........
Epa, isto de pedir aos adeptos para nao irem ver os jogos fora é a coisa mais absurda e ridicula que ja vi fazer ao benfica nos ultimos anos! Um adepto do slb de Paços de Ferreira paga 50 euros para ver o jogo em Paços ( na sua terra) e agora é convidado a não ir. " Só pode" ver os jogos no estádio da Luz e assim em vez de gastar 50 euros gasta prai uns 150..... isto tem alguma lógica!!!!!
É um bocado acabar com o SLB como uma equipa de dimensao e expressao nacional de Chaves a Faro.....

Srº LFV , se o Benfica jogar na minha terra posso ir ao jogo???

Txalo disse...

Caro Papoila Calmante,
O Oliveira pode lá estar? Porque a Direcção e restantes notáveis o fazem sentir bem vindo, como um amigo, e porque nós, adeptos bananas, nada fazemos contra isso.
É revoltante.