terça-feira, 22 de novembro de 2011

Que onze para Old Trafford?

Vem aí um jogo grande, não decisivo totalmente para o Benfica, no que toca às contas do grupo, mas importante nem que seja para o prestígio do Benfica na europa. São várias as incógnitas em torno da equipa... Deve jogar Amorim descaído sob uma ala? Ou Gaitán e Nolito deviam ser titulares? Bruno César intromete-se nesta luta? E Aimar, deve jogar com Witsel no meio campo, jogando um avançado apenas na frente, ou deve-se apostar num dupla Cardozo/Rodrigo na frente, sendo que para isso, alguém do meio campo tinha que ser sacrificado? Vou deixar o onze que penso que Jesus vai utilizar:

(Clicar para aumentar)

Pessoalmente gostaria de ver uma dupla de ataque constituída por Cardozo e Rodrigo, mas compreendo que seja importante equilibrar o meio campo, num jogo com estas características. Para Cardozo entrar, Entre Aimar e Witsel, um muito provavelmente teria que ficar no banco. Faz todo o sentido no entanto, que jogue apenas Rodrigo na frente, jogando a equipa em contra-ataque, mas lembro que Cardozo gosta de marcar regularmente às equipas inglesas... Tem Jesus a palavra. Seja como for, teremos depois a partida com o Otelul em casa, caso tenhamos um resultado menos bom em Manchester. Mas acredito num bom resultado em Old Trafford.

7 comentários:

Pereira disse...

É pôr o Luis Martins no lugar do Emerson

Bcool973 disse...

Eu deixava o Rodrigo no banco para entrar na segunda parte e facturar com os defesas já mais cansados, actuando pois com o Cardozo. Não jogava com o Amorim pois nessa posição o rendimento é quase nulo, optava pelo Nolito pois é preciso garra e apoio ao Emerson. Pensava talvez ter o Amorim ou o Matic no lugar do Witsel para ter mais apoio ao Javi, colocando o Witsel na segunda parte. O Bruno César também seria uma opção para a segunda parte.

mundoslivres disse...

Eh pá pensei exatamente nesse esquema... quando dois pensam da mesma maneira... vai haver chuva em old traford... uma demanda espiritual da minha parte ;))

dezazucr disse...

Eu lançaría Rodrigo na 2ª parte, fresco com os defesas ingleses já cansados podería fazer farinha.

Bruno Pereira disse...

Quanto a mim, o 11 ideal seria com a defesa normal, um trio de meio-campo (Javi, Matic e Witsel) para ganharem essa batalha e com um outro trio lá na frente (Gaitan, Nolito e Rodrigo). Óbvio que seria arriscar e mudar algumas coisas, mas penso que contra o Man Utd teremos mesmo que ganhar o meio-campo, jogando Javi atrás, Witsel na meia direita e Matic na meia esquerda; estes dois últimos a compensarem as subidas dos laterais e a fecharem por dentro; Javi nas dobras; Nolito, Gaitan e Rodrigo para partirem para cima da defesa (desfalcada) do Man Utd.

Rui Sérgio Guerra disse...

Boas, "Far" e benfiquistas,

Subscrevo-te as opções para hoje. Nem mais!

Notas:
- Que a a equipa jogue rápido, simples... e QUE REMATEM À BALIZA!
SEM REMATES,... NÃO HÁ GOLOS!
Se vamos p/a Old Trafford... jogar "ao meiinho de praia",... espero estar enganado...,
vai sair... MELÃO...E DOS GRANDES!

- Estou convicto e confiante que, SE JOGARMOS C/ INTELIGÊNCIA, MAS C/ OBJECTIVIDADE (sem pontapé prá frente, claro!),... GANHAMOS, NO MÍNIMO, EMPATAMOS! Eles não têm "nem rins nem pernas, atràs", àparte o Evra.
APROVEITEMOS e sejamos assertivos!

Abraço e... FORçA BENFICA! SEMPRE!
RSG

mundoslivres disse...

Houve chuva, não com essa equipa mas houve chuva serena...