domingo, 15 de janeiro de 2012

Um a um (Benfica vs Setúbal)


Artur - algo nervoso. Um pouco abaixo do que nos tem habituado, de qualquer forma tem se revelado um upgrade enorme em relação ao ano passado.

Luisão - um mau alívio para a zona central do terreno, onde se deveria encontrar Witsel, visto que Matic tinha ido ajudar Emerson e Jardel na lateral esquerda. Custou um golo mas a sua exibição foi sempre a subir daí em diante. Bom jogo!

Jardel - acho que está farto de demonstrar que não tem valências para ser central de equipa grande. Tecnicamente, deixa a desejar e fica sempre na dúvida como deve abordar os lances nas zonas laterais, por um lado quer ir lá mas por outro, tem medo de deixar descoberta a zona central. A contratação de um terceiro central tem que ser uma prioridade ou a colocação de Miguel Vítor como terceira opção. Para mim, é melhor com a bola nos pés e na abordagem aos lances que o brasileiro.

Maxi Pereira - ataca com muita qualidade, defende igualmente com enorme qualidade. Acho que apenas Daniel Alves consegue superá-lo, neste momento. Portanto, segundo melhor lateral direito do Mundo, actualmente.

Emerson - deu continuidade aos bons jogos em Guimarães e na Marinha Grande. Tem qualidade técnica, ainda revela algumas falhas de concentração algo incompreensíveis mas deve continuar no plantel, como alternativa a um titular mais decisivo nas acções ofensivas.

Matic - Vou-me repetir, qualidade técnica e algumas falhas incompreensíveis. No fundo, muito semelhante a Emerson. Para titular, dá a sensação que é algo curto mas pode continuar a ser um elemento válido no plantel. Espero que se mantenha por cá, tal como Emerson.

Witsel - Bom jogo! Esteve bem dentro dos possíveis. Para mim, atinge o patamar de grande médio do futebol europeu com Aimar no onze. Ainda não tem dimensão para ser o principal construtor de jogo de uma equipa que joga com dois médios no centro do terreno. Parece-me que sente a falta de um terceiro homem para ajudar a construir.

Bruno César - depois de um grande jogo, baixou a bitola. Alguns bons momentos com Maxi, espero que melhore no próximo jogo.

Nolito - cada vez mais Simão e cada vez menos avançado esquerdo. Chegou com movimentações de avançado e agora já pensa como médio. O futebol colectivo ganhou com a mudança sobretudo Emerson, que aparece cada vez melhor nas movimentações ofensivas.
Os números de Nolito (assistências e golo) tendem a baixar com esta mudança.

Rodrigo - Impressionante! Os seus tiques à imagem de Henry a jogar como segundo avançado, encantam-me e aposto que também, os olheiros dos clubes mais endinheirados do futebol europeu.
Espero que dê para aguentar por mais algum tempo, este tem que ser a VENDA MAIS CARA DA HISTÓRIA DO NOSSO CLUBE.
"Pode mesmo vir a ser um fenómeno no futebol Mundial..." - http://eternobenfica.blogspot.com/2011/11/fenomeno.html

Cardozo- mais uma vez, a decidir. É a peça mais influente da nossa equipa.
Fiquei furioso com expulsão, poderia ter-se limitado a encostar a bola para a baliza mas quis embelezar a jogada. Ao que parece, cumprirá castigo contra o Santa Clara a meio da semana e seguirá com 3 amarelos na Liga. Menos mal...

Gaitán - para quem veio de lesão, entrou bem. Pouco mais a acrescentar.

Saviola - que lento, Javier! Estou cada vez mais convencido que só serve para desmontar autocarros em jogos na Luz.

Luís Martins - ajudou Emerson a fechar a lateral esquerda. É um projecto interessante de futuro.
Ainda para mais, Jesus tem demonstrado que gosta dele.

14 comentários:

Anónimo disse...

epá..

concordo com tudo menos com a análise do emerson.

fez mais um jogo horrivel. aliás, os calafrios que o benfica sofreu na primeira parte deveram-se ao facto do setubal ter insistido em jogar no espaço entre emerson e jardel (que, há umas semanas, quando fez dupla com garay jogou sobre a direita e por isso jogou um bocadinho melhor que ontem).

acho que o benfica precisa urgentemente de um defesa esquerdo.

quanto ao resto, como disse, concordo.

o rodrigo é craque. o cardozo é um goleador temivel. o trio nolito-bruno cesar-gaitan garante sempre uma qualidade como há muito não se via nas alas, e o witsel é um patrão.

segue jogo!

vamos ser campeões!

agora colocam-se duas questões:
1 - o que é uma "boa champions"? ficar pelos oitavos é bom? passar aos quartos, apanhar um tubarão e perder é bom? ou eventualmente chegar às meias e sonhar com qualquer coisa?

2 - seremos capazes de manter esta qualidade na proxima época? será jesus (e vieira..) capaz de um bi-campeonato, o que seria, isso sim, terrível para tripeiros e lagartos?

JNF disse...

Para mim, passar a fase de grupos é uma boa Champions. Resta agora não fazer má figura. Tudo o que vier por acréscimo já será bom. No entanto, vencer o Zenit é algo que está perfeitamente ao nosso alcance, ou seja, se ganharmos temos uma grande prestação europeia, se perdermos até posso ficar desiludido por não passar uma equipa acessível mas não deixa de ser uma boa Champions.

A próxima época está muito longe, mas há dois factores interssantes: primeiro, sabemos que Vieira costuma destruir as equipas campeãs vendendo os grandes jogadores que aparecem como figuras emergentes no futebol mundial; segundo, o Benfica não tem, actualmente, um único jogador que pareça assediar os grandes europeus e que seja completamente imprescindível para nós. Só Gaitán é que parece seduzir os grandes europeus e muito sinceramente, no momento actual, não vejo o camisola 20 com lugar cativo no onze, longe disso até.

PB disse...

Quanto à Champions, o nosso trabalho está feito. Temos que disputar o jogo com o Zenit é o que se exige, pelo menos da minha parte.
Em relação à próxima época, atacar um jogador que transporte jogo pela lateral esquerda, um Bruno Cortês, um Eliseu, por aí.
Um central com qualidade técnica.
Claro, compensar as saídas, caso se proporcionem bons encaixes financeiros.

xirico disse...

Se não comprar-mos um def.esq.e um mais um extremo dir.(Salvio?)é melhor esquecer a champions.Com estas aquisições até penso que iremos mais longe e poderemos lutar pelas meias finais e quem sabe.Agora tudo depende da ambição do presidente.De qualquer maneira um def.esq. é necessário até mesmo para lutar pelo campeonato.E esperemos que o Maxi não tenha nenhuma lesão.

Anónimo disse...

reconheça-se que no jogo aéreo o jardel é do melhor que há.

Bcool973 disse...

Não concordo, acho que o Matic não foi ajudar o emerson, apenas ocupou uma posição errada no campo e a responsabilidade do golo é do mau posicionamento dele e não do witsel. Aliás as falhas de posicionamento dele enquanto trinco e as más saídas de bola provam a inadequação dele à posição, só que o Jesus insiste em ter um gajo com mais de 1,85 independentemente de saber como se posicionar ou não.
O witsel faz um grande jogo, o rodrigo tem um pique inacreditável, mas não é um jogador para as alas e tem wque aprender a jogar mais com a equipa. O bruno césar precisa de se tornar mais consistente e o gaitán deveria saber que tem que correr para poder ser titular.
Quanto ao Cardozo não simulou penalty tendo sido mal expulso depois de ter passado o jogo todo a ser ceifado por trás sem que qualquer cartão fosse mostrado a quem o defendia

Pedro disse...

Estamos a meio de Janeiro, já cá deviam estar os supostos reforços...

Quando comecei a ler a análise ao Jardel pensei que ías dizer exactamente o contrário. Jardel está farto de provar q é alternativa credível para estes jogos. Chega e sobra para a realidade do SLB. Amanhã volta para o banco e jogará sabe lá quando e não refila um segundo. Em campo, cumpre. Tal como Matic .

PB disse...

Não tenho problema nenhum em reconhecer que o Jardel é muito forte no futebol aéreo. É um facto.

Para mim, é limitado quando tem que construir e na Luz, é fundamental que o saiba fazer.
Depois, tem pelo menos, dois momentos em que tem de dobrar na lateral e fica no "vou ou não vou". Nem dobrou, nem ocupou a zona central.

efs disse...

Artur tem demonstrado algumas desconcentrações a que não estavamos habituados. E precisa acima de tudo de melhorar o jogo de pés e a colocação de bola.

Jardel está melhor que o Jardel do final da época passada. É uma boa opção do plantel para suplente. Tem muito menos "paragens" que no final da época passada. Penso que sofreu de não ter tido um período de adaptação mas estou a gostar da forma como está a evoluir.

Emerson continua com algumas "paragens" no jogo. A ver como evolui.

Matic. Não desgosto do jogador, parece haver ali qualidade. Mas como diz o Jesus, ainda se perde um pouco no jogo. O nosso modelo de jogo é exigente para a posição 6 e, neste momento, não é substituto à altura de Javi. Mas não deixa de ser uma boa opção de plantel. A ver como evolui.

Witsel, Nolito, Rodrigo, Cardozo - todos muito, muito bem.
Ontem Rodrigo mostrou muito jogo e apontamentos - em qualidade e em quantidade - que ainda não tinha conseguido mostrar, mesmo tendo estado geralmente bem nos outros jogos já realizados.

A dupla Cardozo-Rodrigo promete. Saviola parece-me neste momento um grande jogador de plantel. As declarações que tem feito demonstram o espirito de equipa que tem. E que grandes professores temos no plantel com Aimar, Luisão e Saviola (e Jorge Jesus).

Anónimo disse...

No jogo de ontem, o Benfica jogou sem vários dos seus habituais titulares. Garay, Javi Garcia, Aimar e Gaitán. Sim, há cerca de um mês, antes de se lesionar, Gaitán era titular indiscutível. Quem poderia imaginar que a equipa poderia jogar sem um dos nossos principais virtuosos, que se dizia estar a ser pretendido pelo Manchester United?
Portanto, sem todos esses jogadores, a equipa reagiu favoravelmente a um resultado inicial negativo. E deu a volta ao resiltado de uma forma inequívoca, diria até brilhante.
Ao ler-se, em vários locais, a apreciação individual que é feita a alguns dos jogadores, fica-se com a ideia de que não foram eles que jogaram aquele jogo, tantas as reticências levantadas sobre a sua qualidade.
No golo do Setúbal, há quem atribua a responsabilidade ao Matic ou até ao Witsel. Ao Luisão não! Luisão que fez um alívio para a entrada da grande área e depois cortou mal o remate do jogador do Setúbal, enganando Artur. Felizmente, o público aplaudiu Luisão e este correspondeu fazendo, a partir daí, uma exibição praticamente sem erros. Pelo que se viu, apoiar os jogadores dá resultado, criticar, não dá!
E sobre a exibição dos restantes jogadores do Benfica, tudo o que tinha a dizer, já o disse no post anterior.
MM

JNF disse...

MM,

Gaitán é indiscutível... para o treinador. Para mim não é. Esta época não demonstrou mais que Nolito ou que Bruno César. Comigo não há lugares cativos nem direito a que jogue só porque tem o United interessado.

Quanto a Luisão, não acho que o corte tenha sido mal feito, ou por outra, foi feito da forma que lhe foi possível: é apanhado em contrapé e corta da forma que lhe foi possível.

Bicadas disse...

Boa noite,

Emerson caiu vários níveis em relação aos dois jogos anteriores, o que parece confirmar os meus receios: está a acusar a pressão pois jogando fora progrediu imenso e na Luz...

Matic esteve muitíssimo bem. Em alguns momentos teve falhas de posicionamento? É verdade, mas em muitos outros matou à nascença e sózinho as saídas em ataque rápido do Vitória. Para mim tem tudo para vir a ser um grande médio centro, assim lhe consigam incutir a necessidade de agressividade sem arriscar o posicionamento.

Roberto foi fantástico e Cardozo esteve bem, mas foi bem expulso.

Concordo inteiramente com a análise ao Maxi, só não percebo o escasso crédito que lhe é dado pela crítica, ou se calhar percebo...

Nolito e Bruno César fazem pela vida, têm talento e têm tido sucesso, mas o estatuto de Gaitán não se fica a dever apenas à necessidade de estar na montra. Está noutro nível.

Cumprimentos

JNF disse...

Roberto?! Cruzes canhoto! :)

eupensopelaminhacabeçaeusoulivre disse...

Rodrigo, Witsel, Nolito vá lá todos impressionantes e vá lá o Cardozo também...
O Artur também tem direito a dias menos bons...
Ozoutros todos bastante bem...

Emerson talvez tenha caído de produção... eh pá mas como acho que o tipo é um erro de casting acredito que não esteja a ser isento... continuo a pedir um defesa esquerdo mas como parece que ninguém nos ouvirá (acredito mesmo que estaremos numa reedição de Roberto - que cheguei a defender com unhas e dentes, eu sou um ganda... isso mesmo)... portanto se conseguirmos recuperar o Enzo isso já será muito bom...
Conhecendo o LFV (mesmo com a entrada dos milhões da Champions) não existirão compras nem vendas minimamente relevantes para a dinâmica da equipa...