sexta-feira, 26 de dezembro de 2008

Sidnei e Paulo Bento


Entre as declarações proferidas por Sidnei, hoje, ao jornal Record e as declarações de Paulo Bento no final do Sporting - FC Porto para a Taça, vai uma grande diferença. Se num caso não fazemos ideia do que vai acontecer, no de Paulo Bento já temos algumas noções, nomeadamente a de que o treinador do Sporting não vai ter o castigo que efectivamente merecia. Ao que parece, o Conselho de Disciplina vai atribuir apenas 15 a 30 dias de castigo ao treinador leonino. Manifestamente pouco comparando com o castigo a Luís Filipe Vieira aquando das suas declarações após o final do encontro entre Boavista e Benfica da época passada. A minha dúvida é se vão castigar o Sidnei pelo que disse. Tendo em conta a tendência de sumaríssimos, castigos, e afins que se vê neste país, eu diria que o central vai mesmo ser castigado.

2 comentários:

patriarca disse...

O Problema gravissimo deste futebol português é que os Corrupto~s de maneira nenhuma querem que se fale or mormure as verdades. Em qualquer país civilizado para bem de todos as verdades têm que ser ditas, clarifica-se as coisas e ninguém fica com duvidas, neste pobre país é o Inverso, tenta-se através de castigos que a VERDADE PREVALEÇA ESCONDIDA em DETRIMENTO DAS FALSIDADES, PATRANHAS, para assim a Máfia Corrupta, ter o Caminho Livre de todos os impecilhos que possam, sem sua autorização surgir. Até quando esta Máfia coordena e actua, sem qualquer REGRA Clara e Pune quem fala verdade. E onde andam os chamados HOMENS de Letras, Advogados Eloquentes e os Democratas, para actuarem em prol da democracia e da justiça, que está de longe arredada do Futebol Português e principalmente para darem LUTA áos mais elementares atropelos da dignidade das pessoas e instituições, efectuados por uma corja que não olha a meis nem a fins para alcançar os seus TENEBROSOS objectivos. Até quando meus senhores ?????!!!!!

Anónimo disse...

tanto paulo bento, nuno gomes, sidnei, abel têm razão! porque só Benfica e Sporting se queixam? nada acontece por acaso!