sábado, 25 de setembro de 2010

No Caldeirão para ganhar, claro!

Não há muito a dizer sobre o jogo com o CS Marítimo. Uma deslocação difícil mas onde o único resultado que interessa é aquele que nos permitirá a conquista dos três pontos - é preciso dar seguimento a vitória sobre o Sporting no passado Domingo. Algumas indefinições a volta da equipa já que Aimar e Amorim não foram convocados, pelo que será forçosamente um onze diferente aquele que vai entrar no caldeirão. Martins será o playmaker, jogando Salvio no lado direito do meio campo? Ou entrará Gaitan para o lugar de Aimar, continuando Martins como interior? Manterá Jesus Coentrão como extremo e Peixoto como lateral? Tudo questões que mais logo terão uma resposta.

Independentemente das questões tácticas, e uma vez que o Benfica não pediu bilhetes para os sócios poderem ir aos Barreiros, será interessante perceber que apoio terá a equipa no estádio. Apesar do apelo feito recentemente para que os adeptos se abstenham de ir aos jogos do Benfica longe da Luz, estou convencido de que estarão presentes muitos benfiquistas, senão organizados enquanto claques, dispersos aleatoriamente pelas bancadas disponíveis no novo caldeirão dos Barreiros ainda em construção. Afinal de contas não é todo o dia que a montanha vai a Maomé.

Sem desculpas, exige-se a terceira vitória consecutiva, a segunda para o campeonato, o que a acontecer, dará ao plantel ainda mais confiança para a deslocação seguinte ao terreno do Schalke 04. É preciso (re)criar a dinâmica de vitória que foi perdida no início de temporada, e o jogo com os verde rubros, será mais um obstáculo que teremos que ultrapassar.

Um desafio aos seguidores do Eterno, lancem os vossos onzes para o jogo de mais logo.

Aqui fica o meu: Roberto, Maxi, David Luiz, Luisão, Peixoto, Javi, Coentrão, Gaitan, Martins, Saviola e Cardozo.

Força Benfica

11 comentários:

JNF disse...

O meu onze seria exactamente esse.

Far(away) disse...

Sim, penso ser o mais provável, sendo que ou Gaitan ou Martins, qualquer um deles, pode fazer de 10 ou jogar descaído sob o lado direito do meio campo.

Neisseria Gonorrhoeae disse...

Roberto, Maxi, Luisão, David Luiz, Coentrão, Javi, Gaitan, Martins, Jara, Saviola e Cardozo.

Eu sei que arrisquei no 11, mas cheira-me que com o Maritimo, o JJ vai apostar no 433 da pré época, se bem que aquilo não é um 433 clássico.

vamos ver.

Bimbosfera disse...

Boas. Cá para mim jogará o Salvio, como surpresa. Outra coisa, sei que já foi abordado noutros posts, mas, posso pedir para não colocarem mais dúvidas nos adeptos, entretanto, e darem um voto de confiança na direcção? É que se percebe pelo post que há vontade de se querer ir apoiar, contrariando o que a direcção pediu, e, sinceramente, creio que há legitimidade para o fazerem, direcção, pois tiveram 90% dos votos.
Vamos dar hipótese a que a estratégia do Benfica vá avante?
Isto, só e só, pelo bem do Benfica, pois não pretendo com este comentário entrar de forma alguma numa guerra de palavras com ninguém, pois gosto muito de cá vir e comentar, como sabem, por isso o pedido.
Não é por mal que o faço, apenas, pelo menos, não mandarem mais «lenha para a fogueira», como essa tirada do Maomé e da montanha. Sinto que é um bocado do género um pai desautorizar a mãe, que deu um castigo ao filho... Só por isso, se me faço entender!
Para desanuviar, link no fim!

Abraço

Márcio Guerra, aliás, Bimbosfera

Bimbosfera.blogspot.com

P.s.- Mais um Comunicado do Benfica sobre Arbitragem??? Tudo no meu blog!

JNF disse...

Márcio,

esta medida da direcção vai ser furada. Uma coisa é o que a direcção pede, outra é o que os sócios e adeptos acham que é melhor para o clube. Qual vai ser a legitimidade de seguir com esta medida quando virmos hoje LFV sentado ao lado do presidente do Marítimo no camarote? O que vão os benfiquistas pensar? "Então o presidente vai e eu tenho de ficar em casa?! Nem pensar!".

Mais: se o Benfica perder hoje, não poderá ser por falta de apoio? E a direcção não se vai responsabilizar por causa disso? E se ganharmos achas que é possível que os adeptos queriam ficar em casa?

Na derrota ou na vitória, acho que esta iniciativa não tem pernas para andar porque ganhando ou perdendo os adeptos acabarão por comparecer aos jogos. E na minha opinião, é muito importante os jogadores terem apoio dentro de campo.

Anónimo disse...

No CM de hoje, uma notícia interessante num dos cantos do desporto. Com o sugestivo título "Às três da manhã", a notícia é a seguinte: "Lourenço Pinto, presidente da AF Porto, esteve com Bruno Paixão, no bar de um hotel de Lisboa, perto das três da manhã de ontem.

Far(away) disse...

Pela minha parte eu já dei votos de confiança a mais a esta direcção Bimbosfera. No entanto este post nada tem de crítico para com a actual direcção, a metafora "a montanha vai a Maomé", apenas quer afirmar que o Benfica desloca-se a Madeira, lugar onde os Benfiquistas norma geral sentem-se mais longe do clube, pois como ilha que é a Madeira está rodeada por mar.

VHugo disse...

Será um jogo difícil, contra uma equipa que precisa de pontuar, parece-me que vamos encontrar um autocarro pela frente!

Carrega Benfica

http://forcamagicoslb.blogspot.com/2010/09/mais-um-pequeno-passo.html

Bimbosfera disse...

Olá de novo.
Sei que vocês, por vezes, têm contactos mais previligiados do que eu, ou seja, eu não conheço ninguém lá dentro, e, do que vou lendo aqui e ali, parece-me que há pessoal que sabe «os caminhos onde pisa», por assim dizer.
O que quero dizer com isto, seja para o JNF ou para o Far(away), é que se deve dar um voto credível, mas mesmo credível, e obrigar, enquanto o título ainda não está mesmo entregue, os clubes, os pequenos, ou mais pequenos, a terem que tomar um lado. Eu disse isso na enorme missiva que escrevi, 3 comentários, no outro post vosso, e acho que essa de o Benfica só ir duas vezes à Madeira por ano é tanga, é para inglês ver, pois o Benfica nunca, mas nunca, vem à minha terra, seja Viseu ou onde estou actualmente, Portalegre. E que faço então? Tenho que ir a Lisboa, sempre, para ver, e se é para ir fora de casa só indo à Luz é que dá gosto ir.
Ou seja, eles têm lá o Benfica, por época, mais duas vezes do que eu, quem diz eu, diz outras terras todas, Guarda, Covilhã, Castelo Branco, Évora, Beja, e isso, para quem está aí habituado, e vive em Lisboa, diz pouco, ou interessa pouco, mas quem vai de longe, sim, tem o que se lhe diga. Se a direcção reuniu, ao que se sabe, com as casas a pedir este apoio, o não irem ver os jogos fora, devemos dar um voto sincero de confiança, por mais que achemos que estão certos ou errados. Há eleições, para julgar o que eles fizeram, eleições, AG, etc. É pá, eu nem sócio sou, e podem-me apontar isso, mas porra, se cada um apoiar no que eles pedem de certeza que vamos ser mais fortes. E o pior que pode acontecer é perder este campeonato. Podemos até nem ir às competições europeias, mas se estas medidas derem origem a um 25 de abril no futebol, acho que todos, mas todos, deviamos apoiar.
Eu também não comprava, se calhar, o Roberto por 8,5M. Não comprava o Javi, não trazia o Jesus e ficava o Quique até fim de contrato. Mas não sou a direcção. E devo agradecer terem tomado a decisão de mandar o Quique com o circo e trazer Jesus.
Então, se eles pedem, isso é o voto de confiança, e apoio-os... Só isso!

Abraço

Márcio Guerra, aliás, Bimbosfera

Bimbosfera.blogspot.com

JNF disse...

"enquanto o título ainda não está
mesmo entregue"

Acreditas mesmo nisso? Está entregue desde Maio de 2010.


Não compares uma deslocação Viseu - Lisboa com Madeira - Lisboa. Além disso estás relativamente perto do Porto, Braga, Guimarães, Paços de Ferreira, Coimbra e Figueira.

Abraço

Bimbosfera disse...

Bom, não sei se vale a pena continuar uma discussão inócua, onde não vamos mudar de opinião, mas, está entregue, a nós, desde Maio, e acredito que possamos ser campeões ainda, e creio que todos ainda acreditamos, certo? Mas seja como for, se duvidamos disso, mais um motivo para apoiar a decisão nessa medida.
Sobre a deslocação a Viseu, ou de Viseu, ou de Portalegre, sim, podia ir, mas não vou, como é óbvio, ainda para mais agora, ver o Benfica nesses locais. E parece-me que Braga, Guimarães, Paços, e mesmo Lisboa, não são assim tão perto quanto isso. Admito perto (??) Aveiro, Coimbra, Leiria e Porto, no máximo. De resto são sempre horas de viagem.
Acho que devemos dar crédito à direcção, e não vou insistir mais nisto pelo menos neste post.

Abraço

Márcio Guerra, aliás, Bimbosfera

Bimbosfera.blogspot.com