terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Passivo

Não sendo barra a economia, longe disso, aliás, de economia percebo pouco mais que zero, os números do passivo benfiquista assustam. Como assustam os do Sporting e os do Porto, mas fico mais preocupado com os do Benfica por serem os do meu clube e serem os maiores. Por isso, deixo aqui um conjunto de questões que gostava que fossem respondidas por bloggers ou comentadores que sabem mais sobre este assunto ou que mesmo não percebendo muito disto, foi-lhes explicado.

1 - Por que razão é o passivo do Benfica o maior dos 3 grandes?

2 - Por que motivo aumentou tanto desde 2008?

3 - É o actual passivo maior do que em 2000? Se sim, por que razão não estamos mais perto da falência? E por que é que Vieira diz que as contas estão melhores?

4 - Como planeia o Benfica pagar as dívidas que tem?

5 - Por que se fundiram a Benfica SAD e a Benfica Estádio?

A quem responder, desde já o meu obrigado.

16 comentários:

Miguel disse...

JNF, já somos dois a querer perceber melhor estes números!

Diogo disse...

Nunca ouviste falar do esquema em pirâmide?
É mais do que óbvio que a actual situação financeira é completamente insustentável, e só se vai aguentando com base em artifícios financeiros que vão ter perna curta, como empréstimos obrigacionistas com juros cada vez superiores, para pagar os anteriores e financiar esta loucura mais uns tempos.

Vou tentar não responder às questões, porque estou longe de perceber ou sequer saber bem o que se passa, mas sim dar a minha mais honesta opinião:
1 - O nosso passivo é o maior porque somos o que mais gastamos, e menos recebemos
2 - Só em jogadores, quer em passes ou nos salários astronómicos: sempre a somar, sempre a somar....
3 - O que te faz pensar que não estamos mais próximo da falência?
4 - Não penso que haja grande plano, vão sendo aplicados os tais artifícios financeiros e habilidades à medida que os problemas vão aparecendo e é necessário tapar momentaneamente
5 - Essa não faço mesmo ideia nenhuma, mas não me admiro que seja por ter havido algum interesse lateral do LFV

No entanto, é preciso olhar para o problema com algum pragmatismo e ver aquilo a que a actual ou outra futura (e melhor) gestão do glorioso se pode sempre agarrar. O Benfica é uma instituição nacional, e como ficou bem provado no tempo do Vale e Azevedo, muito dificilmente vai ser possível deixar cair uma instituição desta magnitude no caso de uma crise financeira irreversível (falência).

Mais que tudo, são precisos valores para podermos sair de onde estamos, que penso não ser muito longe do terrível buraco que andamos a navegar há já mais de 10 anos.

Cumprimentos

Carlos Alberto disse...

First of all:

Já deves ter lido algures que o passivo do Benfica é consolidado e dos outros não, por isso respondo-te se me responderes à seguinte pergunta:

Como é que o Vieira conseguiu ter Activos maiores que o Porto e o Sporting juntos?

Portillo disse...

Caro JNF sou seguidor do vosso blog e assumo-me já anti-Vieira, que para mim está no top 3 dos piores presidentes do benfica tal como Damásio e Vale e Azevedo.
Quanto às perguntas, e como estudante de economia, vou tentar responder

1 - O maior passivo do mundo é o do Real Madrid, é o existir um passivo que faz a evolução e o crescimento, um pouco à imagem do défice que tem de existir mas ser controlado

2 - Aumentou tanto desde 2008 porque desde ai ja mandamos as urtigas em reforços 100 Milhões de euros, com salários e prémios a preço do ouro.

3 - Esta é aquela questão que ninguém sabe muito bem e que só saberemos quando Vieira sair e levar atrás de si a corja que anda por lá, no entanto mesmo que fosse superior ao de 2000 podemos estar em melhor plano desde que os activos tenham crescido de forma exponencial

4 - Creio que na ideia do Vieira, quem vier a seguir que feche a porta

5 - Não tendo a certeza porque não estou por dentro do assunto, creio que a fusão das 2 empresas tem a ver com uma consolidação orçamental e do aumento no campo dos activos que o estádio daria à SAD (mais uma manobra de marketing para permitir o aval de empréstimos obrigacionistas a taxas de juro que no mercado só são dadas pela CGD (obrigações do benfica foram um dos investimentos do ano) ..

Força benfica ...

João Gomes disse...

Pelo que percebi, na altura da fusão com a Benfica Estádio a ideia era aumentar os activos, uma vez que o estádio vale mais do que o que falta pagar dele.

Anónimo disse...

Vou fazer mais do que responder...vou solucionar (!) Claro que mete medo esta situação do clube, contudo o passivo monstruoso é resolvido com insolvência e posterior...falência! Parece estranho? Sim! Mas repara... se o Benfica "estourar" quem perde são os bancos e credores que lá puseram o "guito" daí eles serem os maiores interessados em que não expluda! Eu como adepto do glorioso estou-me borrifando para passivos e contas!...quero é os 3 pontos e "mai nada!" Se abrir falência, reabre as portas com outro nome "Benfica F.C." por exemplo e em 4 anos está de novo na Primeira a disputar o título!!! Quem se lixa quem é?...os bancos! :-D

Toneca disse...

respondendo:
1 - historicamente o Benfica sp teve passivos maiores. não nos podemos esquecer o prejuizo causado pela gestão ruinosa de vale e azevedo e dos elevados investimentos sucessivos em jogadores que não produzem retorno imediato - valorização na venda, títulos e participações na champions; incluindo o custo da construção do novo estádio e centro de estágios;

2 - o aumento do passivo desde 2008, apesar de não ter nº, deve-se ao que já foi respondido anteriormente, investiu-se muito na aquisição de jogadores, não houve receitas de bilheteiras nem merchandising e sponsorização, bem como quotização para fazer face a esse aumento da despesa. O Benfica teve de investir muito para finalmente ter retorno com a conquista do título em 2009/2010 e a ida à champions;

3 e 4 - o passivo é maior que em 2000 porque houve o investimento no estádio novo e centro de estágios, aumentaram a despesa, não estamos perto da falência porque gastou-se nas infra-estrututras mas as mesmas geram receitas, caso do estádio (naming das bancadas) e do naming do centro de estágios. as contas estão melhores porque a dívida está controlada. O Benfica financiou-se para construir, há um plano de pagamentos que tem de ser cumprido. se uma pessoa comprar uma casa de €150m, terá um passivo de €150m, a ser amortizado em 30, 40 anos, interessa sim gerar receitas para ir pagando a despesa mensal/ anual desse financiamento.

O Benfica tem um passivo de €399M actualmente (subiu 6,7%), mas prolongado no tmp, fruto dos financiamentos. Há ainda os empréstimos obrigacionistas (úlitma emissão a 7% em Abril deste ano) que só irá vencer em 2013, logo a dívida está estruturada, não há ng a exigir que o benfica liquide os €399M no dia de hoje.

A dívida de curto prazo é a fornecedores, mas são valores que não ascendem à dezena de milhões de euros, é dívida corrente, facturas a serem pagas a 2,3 ou 6 meses, o normal numa empresa.

No primeiro trimestre fiscal (Julho-setembro) a Benfica SAD teve um resultado liquido de €6,98M, sendo inflacionado pela venda de passes de jogadores, tal como consta no relatório e contas, Ramires, Halliche e Makukula, no valor de €12.9M, mas no exercício 2009/2010 a Benfica SAD teve €18,9M de prejuízo, já englobando os €25M da venda do Di Maria.

O aumento das receitas (Champions), alienação de passes À Benfica Stars Fund, receitas de tv, sponsorização, tudo isto eprmitirá ao Benfica amortizar a sua dívida a médio longo prazo. A quotização surge neste momento como uma forte e constante fonte de receita.
A grande mais valia do benfica é a marca Benfica, uma marca com grande visibilidade e apetecível, porque apresenta sp um bom retorno, caso da Benfica TV na MEO.

Toneca disse...

5 - À Benfica SAD diz respeito o que é futebol profissional, neste caso passes de jogadores, só quando há uma alienação ou aquisição d eum jogador é que há um movimento financeiro, existindo ainda despesa corrente com os vencimentos e prémios pagos a jogadores, treinadores, dirigentes, etc. À Benfica Estádio dizia respeito todo o universo estádio - organização de jogos, sponsorização das bancadas e sponsorização de jogos, bilheteira, manutenção do estádio, área corporate.

A fusão da Benfica Estádio com a Benfica SAD foi uma manobra contabilitica para cumprir a lei(praticada em todos os clubes) para que os capitais próprios permitissem a solvência da Benfica SAD, ao abrigo da lei das constituições da sad's. Os capitais próprios não podem ser inferiores a uma determinada percentagem. Neste momento os capitais próprios da Benfica SAD são de €14M. Assim, apesar da Benfica Estádio ser detentora da dívida do Estádio, gera mais receitas liquidas que a própria SAD, porque quando a época corre bem, o estádio está sp com boa casa, as Taças trazem receitas adicionais e financeiramente é uma boa época, como a do título, onde há um aumento da quotização e de venda de merchandising, sendo que a SAD só poderá gerar lucro com a transacção de jogadores. Neste caso, qualquer dos 10 flops (e outros mais) enumerados num post recente, geraram receitas negativas para a SAD.

Situação pior é a SAD do Porto, que nesta dédaca realizou mais de €225M em vendas de passes, mas que mm assim não reduziu o passivo!

Quanto à do Sporting, aquilo é mm p fechar, é propriedade do BES.

CARREGA BENFICA

Eduardo disse...

Não te preocupes tens que te concentrar é no facto de o FCP ir na frente devido aos árbitros, que o PC é o lobo mau e que o LFV é que percebe da poda. Isso das contas não é problema não ligues. Concentra-te os árbitros, o FCP e o PC. Se correr bem quando deres por ela estás como os teus vizinhos.

Anónimo disse...

pergunta no ar... fala-se mt do passivo etc etc. mas q é feito do activo? qt é? respondam-me!
viva o LFV

Toneca disse...

Total do activo consolidado a 30/06/2010 €381.231,590M

Portela disse...

Não sou especialista, mas é partindo de certos princípios contabilísticos temos:

Activo = Passivo + Capital Próprio

Ora, o que é o Activo? Basicamente o património. Todos os bens, direitos ou outras realidades subsumíveis em capital.

Passivo? Grosso Modo - Dívidas a terceiros, a curto, médio e longo prazo.

Capital próprio? Investimento realizado pelos sócios ou detentores de capital, é onde as sociedades se financiam, sem recurso a terceiros (aumentos de capital - resultados transitados, etc.)

Fala-se muito no passivo, no tamanho do passivo!!! Pois o passivo só terá o tamanho correspondente á actividade económica. De facto, qualquer empresa que se considere "saudável" terá um passivo considerável. É impossível desenvolver uma actividade, tendo como objectivo o crescimento sustentado, com base unicamente no capital próprio!!! Não é impossível, mas é muito pouco viável, logo, passivo é bom, passivo é normal. Qualquer empresa tem passivo e o valor do passivo é irrelevante.

Então o que é que interessa? Bem, na verdade é o Capital próprio... na medida em que, como referi anteriormente, Activo = Passivo + Capital próprio, se o capital próprio for inexistente ou residual, a sociedade poderá não ter liquidez para cobrir todas as obrigações, e aí é que temos um problema!!!

Se o capital próprio for negativo, significa que mesmo que se liquidasse a sociedade, não seriam satisfeitas todas as obrigações a terceiros! Se, por outro lado, o capital próprio representar, digamos 30% do passivo, uma empresa funcionará normalmente.

Não conheço ao pormenor o balanço do Benfas :) Mas desde que haja capital próprio suficiente (e as contas sejam devidamente auditadas!!!!) não haverá problema porque a um passivo gigante corresponderá um activo ainda mais "gigante" :)

Poderíamos abordar outras temáticas, como a correspondência entre os activos correntes e as dívidas a curto prazo, ou a correspondência do activo imobilizado com as obrigações a longo prazo. Mas como vos disse, poderia incorrer em alguns erros técnicos e levaria, certamente, mais do que uns quantos parágrafos neste blog :)

Concluindo! A Comunicação Social não percebe grande coisa de contabilidade, é compreensível dado que os rapazes são formados em humanísticas! Por cada grande vedeta que o Benfica contrate, o activo e passivo crescem em igual medida, portanto é impossível o passivo não crescer! Excepto que os sócios suportassem essa aquisição do próprio bolso, o que me parece a melhor opção!

Finalmente, um abraço e um forte bem-haja!

O GLORIOSO disse...

Já cá faltava a conversa do passivo esse papão, Meu Deus.
Perguntem aos adeptos do Real Madrid com passivos astronomicos, do Barça, do Chelsea, etc se ficam sem dormir por isso?
Também não sou muito entendido nestas materias pois a minha area profissional é outra mas pelo minimo que sei há uma diferença abissal em todas as Sad´s Portuguesas. A do Benfica é a UNICA que tem as contas consolidadas e isso é fundamental para perceber estes números. A nossa reporta-se a todo o Grupo Benfica não apenas á Sad do futebol como os outros. E já agora tenho muita confiança em quem nos tirou de abismo e provou os seus méritos. Sim estou a falar do Presidente Vieira e sua equipa com o Domingos Soares de Oliveira.

P.S- Há 1 ano o Carlos da Tertúlia fez um post brilhante sobre o assunto desmistificando o tal passivo aconselho que o voltem a ler. Já agora segundo se sabe o clubeco satelite corrupto do Campo Grande não consolida as suas contas para não ter que mostrar que está falido tecnicamente podendo ser multado pelo menos foi a informação dada ao tal Conselho Leonino, ou lá o que é aquela parvoiçe.

Pedro disse...

É pá...é só ir ver os Relatórios e contas e comparar o passivo q o "Demo" Vale e Azevedo deixou e o q temos agora. Mais, é ver o passivo q Damásio deixou e comparar com aquele q o "Demo" deixou.

Façam uma análise desde 1990 e vejam qual foi a Direcção que reduziu dívida no SLB.....

JNF, não podes comparar o passivo do Glorioso com os dos outros dois estarolas pq o nosso é consolidado, representa todo o grupo SLB, enquanto os os deles não, se for consolidado os números deles crescem muito, mas muito mesmo. Por isso é que não o fazem.

O nosso problema não é o tamanho do passivo mas sim o facto de se usar o estádio como desculpa qd Vieira repetiu até à exaustão que o estádio se pagaria a si próprio e q estava quase pago à uns dois anos atrás numa entrevista qqr. E se for verdade q temos um passivo de curto prazo de quase 90 milhões de euros isso sim é preocupante...

Anónimo disse...

Ó Pedro, gostei muito dessa "dos outros dois estarolas".
Estiveste mesmo muito bem... ;-)
Zé Alberto Sousa

Anónimo disse...

De facto, Pedro! Falando assim também estás a assumes o Benfica... como um "estarola"... :-(