quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Sorteio da Liga Europa

Observando os adversários que nos podem calhar em sorte no sorteio que decorrerá sexta-feira de manhã, parece ficar bem claro que, independentemente do oponente, o Benfica terá uma tarefa bem complicada para seguir em frente na Liga Europa.

Manchester City, Liverpool, Villareal, PSG, Bayer Leverkusen, Stuttgart, Ajax, PSV Eindhoven, Twente, CSKA, Zenit, Spartak e Dynamo Kyiv. Uma destas 13 equipas terá de defrontar o Benfica. E olhando ao lote de disponíveis, nenhum deles me parece acessível à primeira vista.

Do duo inglês, os citizens parecem ser mais perigosos que os reds, sendo ambos bem superiores ao Benfica, pese embora a má classificação interna do Liverpool. Sinceramente, são as duas equipas que deveríamos evitar a todo o custo.

De Espanha e de França os ventos não são favoráveis. O Villareal vem consolidando o seu estatuto no país vizinho e marca presença na prova europeia sem ter descuidado a participação na Liga, como fica evidente pelo terceiro lugar que ocupa, atrás dos poderosos Barcelona e Real Madrid. O PSG é uma incógnita para mim, como são todas as equipas francesas. Apesar de estarem à frente do Lyon, em segundo lugar, estão atrás do Lille, ex-adversário do Sporting, que pareceu bem tenrinho. Atendendo ao plantel que a equipa da capital francesa tem, penso que, deste grupo, até poderiam ser um adversário relativamente simpático.

O Benfica tem um trauma alemão sobejamente conhecido. Em mais de 50 anos de provas europeias, nem um triunfo nas terras germânicas. O Bayer Leverkusen do nosso conhecido Jupp Heynckes, tem um plantel fortíssimo e segue na perseguição ao líder Dortmund em segundo lugar. Já o Stuttgart mostra uma irregularidade incrível, indo já no terceiro treinador da temporada, e apesar do plantel equilibrado que tem, até poderá estar ao acesso do Benfica. É penúltimo na Bundesliga.

Da Holanda, um trio bem diferente e bem semelhante. Separados por apenas três pontos na Liga, eles que na temporada passada foram os três primeiros da Eredivisie, têm plantéis de qualidade mas uma experiência europeia bem distinta. O PSV é o mais experiente dos três fruto de ser o habitual campeão e de ter boas participações europeias, nomeadamente com umas meias-finais da Liga dos Campeões há uns anos. E tem, a meu ver, o plantel mais equilibrado, sendo que aqueles 10-0 aplicados ao Feyenoord também assustam. O Ajax é a equipa com mais História na Holanda, e nem o facto de terem despedido Martin Jol (erro incompreensível) os deve tornar muito mais fracos. Vieram da Champions e ganharam em Milão nessa prova, tendo o temível Luís Suaréz no ataque e o ex-defesa Frank de Boer como treinador. O Twente é o campeão em título, treinado pelo nosso conhecido Michael Preud'homme. Apesar de no seu plantel não haver um conjunto de estrelas famosas, têm uma formação interessante que é capaz de ombrear com qualquer outro rival na Europa. Mesmo assim, a falta de tarimba nesta competição pode jogar contra o Twente.

Do frio vêm quatro equipas. Da Ucrânia surge o Dynamo Kyiv, que não vem num moento positivo na liga local, estando já a 12 pontos do líder Shakthar. Parece-me ser, de todas as equipas do Pote 1, a mais fácil de derrotar. Da Rússia três equipas todas elas bem diferentes: o CSKA com a tarimba europeia que adquiriu há já 6 anos mantém-se na elite do futebol europeu arrancando boas participações na Europa de forma consistente, mantendo um conjunto de jogadores base há já algum tempo, casos de Akinfeev, Ignashevich, irmãos Berezutski, Aldonin, Sembreas, Rahimic e Vagner Love, todos eles presentes na final da Taça UEFA de Alvalade. O Zenit, treinado pelo italiano Spalletti, é o campeão em título e conta com o trio de portugueses (Meira, Bruno Alves e Danny) bem como com um conjunto de jogadores da selecção russa, casos de Semak, Denisov, Zyryanov, Bukharov, Kerzhakov, Bystrov e outros -ov, tudo jogadores bastante bons. O Spartak parece-me o mais fraco do trio russo, mas sinceramente é a equipa que conheço pior destas 16 do Pote 1. No entanto, parecem-me "apetecíveis".

Resumindo, por ordem decrescente de preferências: Dynamo Kyiv, Spartak, Stuttgart, PSG, Twente, Ajax, Villareal, Zenit, PSV Eindhoven, CSKA, Bayer Leverkusen, Liverpool e Manchester City.

3 comentários:

John Wakefield disse...

segundo o sorteio e fazendo já previsoes para os QUARTOS.
SLB tem que eliminar Estugarda e PSG.
fcp tem que afastar Sevilha e CSKA de Moscovo. aqui o sorteio ja n lhe fez a vontade.
scp tem que enfrentar rangers e PSV.
scbraga tem que derrubar lech poznan e liverpool.

Previsoes: acredito que o SLB, com atitude e garra, pode chegar aos quartos embora respeitando sempre os oponentes. o fcp (espero que seja eliminado mas com o cska de moscovo para fazer mais jogos e eliminar o sevilha, um candidado sério) tem uma missão complicada onde tudo pode acontecer. o scp teve um sorteio algo acessível mas a jogar como joga, poderá nem chegar aos quartos. o Braga será logo eliminado, basta saber se com os polacos ou com os ingleses.

POR ISSO, FORÇA BENFICA!

VHugo disse...

Segundo a tua opinião,não foi assim tão mau, o terceiro da tua escolha!

http://forcamagicoslb.blogspot.com/

Anónimo disse...

Até os comemos e bebemos. A liga europa este ano não escapa.

GNR