quarta-feira, 8 de junho de 2011

5 considerações acerca do caso "Coentrão"

Ponto 1:

Não me interessa saber porquê Coentrão deu a entrevista que deu ao AS. Não quero saber se foi por sua iniciativa, se foi Jorge Mendes, Mourinho ou até Vieira que tenha sugerido tal coisa. Fábio Coentrão é maior e vacinado, e devia ter já a maturidade suficiente para não dizer certas coisas em certas alturas. Aquilo que li, não demonstrou respeito pelo clube com o qual ele ainda tem contrato, e meu querido Fábio, as pessoas passam, mas o Sport Lisboa e Benfica permanecerá sempre. Tens legitimidade para ambicionares um outro desafio, mas não desta forma.  Esperava uma outra atitude da tua parte.

Ponto 2: 

Face ao que aconteceu estou totalmente de acordo com o processo disciplinar que vai aparentemente ser instaurado ao jogador. Até porque não é a primeira vez que algo como isto acontece, e no passado o Benfica devia ter tido uma posição mais inflexível em situações idênticas. Diz-se que os exemplos, bons ou maus vão passando, e se uns podem fazer, porque não hei-de fazer eu, deve ter pensando Coentrão. Não pode ser - que esta atitude por parte da direcção não seja simplesmente um show off, mas uma prova de que finalmente as pessoas começam a perceber que algumas coisas realmente precisam mudar, a começar nestes pormenores.

Ponto 3: 

Uma suposta queixa à FIFA, avançada por alguma imprensa, contra o Real, obviamente não vai acontecer, porque o Benfica apesar deste imbróglio, não vai querer matar a galinha dos ovos de ouro. Esta sugestão teve mais a ver com mostrar aos sócios de que o clube não vai ceder facilmente às pressões merengues. E antecipando o que está prestes a acontecer, obviamente que quer Benfica, quer Real, vão ter quer ceder um pouco nas suas posições, para um entendimento ser alcançado. Tudo isto mais não é, do que um fogo de artifício.
 
Ponto 4: 

Não existem dúvidas de que Coentrão irá para Madrid, é uma mera questão de tempo. O Real quer o jogador, o jogador quer sair para o Bernabéu, o Benfica precisa do dinheiro da transferência, para efectivar outras transferências em curso, e para poder aliviar um pouco o clube financeiramente. Neste jogo do gato e do rato, espero que o Benfica consiga obter o melhor negócio possível, e isso seria vender o jogador pela sua claúsula de rescisão.

Ponto 5:

O amor à camisola já lá vai. Nos tempos que correm, o futebol de alto nível rege-se pelos euros, infelizmente é a grande verdade. Portanto, nós adeptos, precisamos perceber que não podemos ter ídolos, o nosso ídolo e único chama-se Benfica. Longe vão os tempos de Coluna, Eusébio, Humberto Coelho ou Nené. Os jogadores hoje em dia são profissionais que procuram sempre ter uma vida melhor.

Raríssimos são aqueles que vivem o clube como nós, que sofrem por ele como nós. No futuro próximo temos que evitar endeusar jogadores, temos também que não dar grande importância a juras de amor eterno, porque palavras leva-as o vento. Fundamental é exigir que  eles dentro de campo não deixem de suar a camisola. E isso Coentrão soube fazer, não me esqueço. Mas o futebol não se joga apenas dentro das quatro linhas, tu carregas o símbolo do Benfica no peito, mesmo quando não estás dentro de campo, meu caro Fábio.

16 comentários:

Mr. Shankly disse...

Muito bom texto, muito equilibrado. Haja alguém que tenha sangue frio e deixe de ver a vida a preto e branco.

Mar de Chamas disse...

Muito bom artigo, 100% de acordo.

Espero sinceramente que o Benfica não ceda, pois se o fizer vai fazer com que o Benfica em vendas futuras nunca tenha vantagem.

Temos de uma fez por todas dar a volta a isto e demonstrar que somos fortes a negociar (algo que não fomos nos últimos tempos).

Joao disse...

Concordo com todos o pontos, reflectem bem aquilo que se passa. É legitimo o interesse do Coentrão em saltar para uma liga mais vistosa, num clube com oportunidades grandes de vencer a liga dos Campeões, jogar ao lado dos melhores jogadores do mundo...mas da minha parte achei completamente desnecessário o que ele disse na entrevista, consciente ou inconscientemente. Não deixa de ser curioso que alguns bons jogadores que o Benfica tem "formado" acabem por sair desta forma. Mas pronto, aceito a transferência, estou lhe muito grato pelo que ele deu ao Benfica e só lhe desejo muita sorte.

E já agora, uma vez que não vamos receber aquilo que o Fábio realmente vale, pelo menos seja um bom negocio para o Benfica.

Raquel Fernandes disse...

O que acho mais graça neste caso todo é a forma como Coentrão foi manipulado pelo Mourinho. Com os elogios que lhe fez na imprensa e sendo certo e sabido que o homem apesar de excelente jogador não é particularmente inteligente ia dorçar a barra para sair asap mesmo abaixo dos valores que o Benfica pede. No fds pensei para mim que isto acontecer e voilá. Simples como a sua sede. E sobre o caso Nuno Gomes, posso saber o que pensas?

Royalboyz disse...

Em plena concordância com o k aki foi escrito.Só o Benfica interessa.

John Wakefield disse...

Em relação ao ponto 5 - talvez seja por causa disso que a direcção do Benfica tenha já oferecido supostamente um novo contrato ao Coentrão, prometendo o mesmo salário que iria auferir em Madrid. Isto a ser verdade, tenho que, desta vez, dar o braço a torcer aos dirigentes do Benfica.
Querem o jogador, paguem a cláusula ou tentem aproximar-se dela. Espero que o Coentrão se retrate das últimas declarações, mas temo que o Benfica fique com um jogador contrariado no seu plantel.

Nuno Bártolo disse...

Algo me diz que para o ano a unica coisa vistosa no clube será o equipamento principal.

Quando os jornais sabem tudo o que se passa num clube, e os jogadores juram amor eterno a todos os clubes e a mais algum, não sei não.

Espero estar muito enganado.

Rearviewmirror disse...

Acho muito estranho umas declarações do Fábio Coentrão a semana passada a dizer que falava com Mourinho "quase todas as semanas", e que ele o queria em Madrid.

Se isto fosse com o FCP, de certeza que arrotavam logo com o dinheiro. Como fizeram com o Paulo Ferreira, Ricardo Carvalho ou Bosingwa. Nessas transferências ouviu-se falar de aliciamento?

Já com o Di Maria também foi a mesma coisa...
Que falta de consideração...

Rumo ao Estrelato disse...

Notícia d'O Jogo:

"Franck Tabanou é um dos jogadores que o Benfica tem debaixo de olho para substituir Fábio Coentrão. O esquerdino, internacional sub-21 pela França, alinha no Toulouse, onde esta época jogou tanto como lateral como ala pelo flanco canhoto."

Mais informações sobre o jogador em: http://rumo-estrelato.blogspot.com/2011/03/franck-tabanou-toulouse-fc.html

Águia Preocupada disse...

Concordo com o que foi escrito. Contudo, não aceitarei que a transferência se processe por valores abaixo da clausula! Só desta forma os interesses do Benfica serão verdadeiramente salvaguardados. Os presentes e os futuros. Ceder, seria sinal de fraqueza que no futuro nos custará alguns milhões!
O Real quer? Pague! Coentrão quer? Assuma as suas responsabilidades, ou seja o contrato que aceitou e assinou!

Joase disse...

É por estas e por outras que a minha voz só canta por um nome. Chama-se BENFICA.

O Benfica somos nós, não um qualquer funcionário.
Quando os funcionários, não sabem o que é o Benfica está tudo dito.

Vai-te embora e lembra-te que o Benfica será sempre mas sempre maior que um qualquer funcionário. Actualmente não precisa do Benfica. Pois bem, nós também nunca precisamos de um qualquer. Só precisamos dos bravos....esses são o Benfica. Os seus adeptos, sempre fizeram o Benfica e assim continuará a ser.

Joaquim disse...

John, desculpe lá mas não me acredito que isso possa ser possível. Não é que não merecesse mais do que os outros que no geral foram fracos e vós mesmos o admitis.

Se não achava isso possível, depois de tudo que se vem lendo nos últimos dias, agora é completamente impossível isso acontecer. Seria um prémio muito grande para o que demonstrou ser com as suas palavras.

Aceito que queira mudar de clube, quem não queria sair para melhor? Mas o Fábio já ultrapassou os limites do razoável no que diz respeito a entrevistas.

Não posso concordar com a ideia de não ter ídolos, eu sendo portista tenho ídolos que nos deixaram, Bruno Alves, Lisandro, Deco, Ricardo Carvalho para além de Domingos, o grande Vitor Baía, Jorge Costa...

O facto de ser portista e comentar aqui deve-se ao facto de que encontrei neste blog benfiquistas que sabem o que dizem e que apesar da rivalidade, conseguem perceber que o que corre mal para os lados da Luz não é culpa do Pinto da Costa, dos árbitros. Mas culpa própria por não terem "estrutura" para chegar ao nível futebolístico e desportivo do FCP actual e de há uns anos para cá.

Cumprimentos.

John Wakefield disse...

Caro Joaquim, tem muita razão na perspectiva que segue para analisar o caso "Coentrão"... Pelas declarações que proferiu, Coentrão não merecia ter o contrato melhorado mas, por outro lado, temos que admitir que poderá ser a única forma de tentar motivar um jogador que é essencial no Benfica. É triste que se tenha de recorrer a dinheiro, mas já faz parte da moda.
Agora se vai ter um contrato melhorado, não sei... porque estas declarações não cairam bem no Benfica e poderão ter reforçado a necessidade do clube o vender (senão for para o Real, então será vendido a outro clube) para evitar um novo caso no Plantel.
Apenas espero que não seja a preço de saldos só para fazer vontade a uma birrinha.

Far(away) disse...

Raquel, sobre Nuno Gomes, penso que não se justifica renovar-lhe contrato, mas também acho que o clube poderia ter uma outra atitude perante o capitão da equipa. Não quero acreditar que Nuno Gomes soube da decisão do Benfica pelos jornais...

Marco disse...

Num clube mais a norte depois desta novela o jogador acabava na Rússia ou na Turquia.

Hugo disse...

Não quero ser agueirento mas cá para mim o Benfica este início de temporada vai ter problemas maiores que os de épocas anteriores... têm um jogador completamente valorizado, tem mercado, tem quem pague a clausula, pq raio andam com estes bitaites de um lado para o outro????
Isto chama-se falta de cultura desportiva e nesse campo o Benfica ainda tem que dar mais de si pois neste momento se o Real Madrid desistisse de comprar o FC (que vai comprar sim), penso que o jogador iria sair desvalorizado.
Falta muito chá na direcção e assim, se com o melhor jogador tratam os negócios desta maneira, imaginem com outros...
Comprar jogadores que nao conhecem o clube nem a realidade da liga portuguesa que está a subir de qualidade nos chamados pequenos, é dar de avanço meio campeonato aos adversários directos, por isso termino como comecei... acho que isto vai começar mal...
Aquele abraço!!!