quarta-feira, 15 de junho de 2011

Atitudes e comportamentos

Ontem, após ter sido aprovado o orçamento e o plano de investimento para a nova época, assistimos a alguma contestação na Assembleia Geral. O caro Far já se referiu à mesma, mas também não tenho intenções de me debruçar minuciosamente no que foi dito, pois entendo que essa conversa não deve sair cá para fora. Ainda assim, gostava de comentar por alto a dita, por entender ser importante referenciar alguns pontos.

Gostei que tivessem abordado os comportamentos da polícia, gostei de quando se falou que o "milagre financeiro" já tinha ocorrido há cinco anos atrás e que este seria o mandato das conquistas desportivas, gostei de muitos se mostrarem inconformados com o actual rumo do Clube. A estes o meu muito obrigado pois fizeram mais que eu, foram capazes de ir lá à frente, falar.

No entanto, a falha que identifico é a mesma de sempre. O pessoal, no geral, não sabe respeitar opiniões contrárias. Penso que seis ou sete pessoas foram falar e eram contra o Vieira. Mas bastou uma delas ser a favor e já não souberam ouvir e nem respeitar uma opinião diferente. Por muitos disparares que o senhor estivesse a dizer, era a opinião dele.

Se o Benfica é de todos, temos que saber ouvir, isto se queremos ser ouvidos. E depois, tem que se saber respeitar os outros, desde o humilde sócio ao... Presidente. Meus amigos, existem "ene" de maneiras de se poder dizer uma determinada coisa. Não é pelo caminho das ofensas e dos insultos baratos que se ganha credibilidade. E é assim que se divide os Benfiquistas. É assim que olham para nós como um bando de miúdos/desordeiros/geração rasca e que as pessoas depois nos retiram crédito.

O Benfica sempre foi discutido pelo povo. Eu tenho a opinião que muitos jovens, por estarem carregados de informação e por serem bem formados, também têm igualmente a "mania" que a razão está sempre do seu lado e dificilmente aceitam criticas ou opiniões contrárias. É o "eu é que sei, os outros são demasiado burros para perceberem". Desculpem dizer isto mas é a verdade e está tão, mas tão errado.

É que os mais velhos têm algo que nós não temos. Têm anos, muitos anos de Benfica, têm muita participação na vida activa do Benfica (eles estão lá sempre!), têm a experiência de vida que nós, mais novos, erradamente muitas vezes menosprezamos.

Nós todos juntos somos a força pois é o complemento perfeito. A união é tão importante e o caminho não tem sido esse.

Chamar de c**** ao presidente é desrespeitar a autoridade máxima do Benfica. É por aqui que temos que começar a mudar, amigos. É saber dizer as coisas mas com respeito, para não perdemos nem a credibilidade nem a razão. Se tal não acontecer, quem perde é o Benfica.

Estou satisfeito por ter visto exigência e atitude, sócios inconformados e que querem um Benfica ganhador. Que querem participar activamente na vida do Clube. Mas fico preocupado caso os nossos comportamentos não mudem, pois ninguém é o dono da razão e se o Benfica é nosso, é meu, é de todos os que estão a ler, é do presidente, é de todos os sócios… É preciso então mais respeito e união.

Doa a quem doer, com ou sem razão, é preciso saber-se respeitar os outros.

Viva o Benfica.

28 comentários:

Eduardo disse...

Boas tardes Edu. Sou um simples sócio do nosso clube e como tal acabei de ler o tua publicação. Sei quem és o que pensas mas, não sou ninguém para te dar razão... não sou ninguém para dizer que tens essa mesma razão.... mas sou alguém para depois de ter lido dizer em voz bem alta , surpreendes-me mais uma vez pela positiva.... magnifico comentário ... muito bem redigido.... parabéns ... és o maior... bem hajas meu FILHO

Toneca disse...

Caro Edu, o Benfica é nosso, é de todos os sócios, não sou sócio de Presidente e considero mais gravoso um Presidente que falta ao respeito a todo o universo benfiquita quando vem atirar areia para os olhos!

Não sou eu que sei, é o que está à vista de todos! Porque motivo precisa o LFV de levar 9 (!!!) seguranças privados para a AG???

Falta de respeito é o LFV estar a rir-se e a mexer no tlm, qd sócios estão a manifestar a sua opinião, a falar directamente para ele!

Falta de respeito é de um sócio (77% de votos a favor e apenas um sócio falou para defender LFV) cair no ridiculo de dizer que o "Presidente do Benfica não tem responsabilidade nas contratações".

Eu respeito o Benfica, não respeito quem desrespeita o meu clube, sejam pés descalços, do Bairro das Furnas ou lá de onde vêm. Porque, tal como lhe disse ontem, o LFV que mostre a msg que enviou à PSP para ter o CI à espera na Luz, após o Braga x Benfica, p qd chegássemos de Braga!

Para termianr, Caro Edu, não faltando ao respeito, mas eu não tenho memória curta e ainda me lembro quando o LFV era Presidente do Alverca, das negociatas que fez com alguns clubes, não me esqueço que LFV foi chamado por Vilarinho para dirigir o futebol do Benfica. Ou será que LFV só chegou ao Benfica há 10 anos?

Carrega Benfica

Anónimo disse...

exactamente.

Alexandre disse...

Boas,

Gostei muito do texto. E não porque me ache do lado do bom senso, mas porque a leitura do mesmo - como do texto do RedPass - me faz reflectir sobre a minha participação e a forma como o faço.

Elogio a crítica e a exigência, mas desmotiva-me o simplismo de algum do debate, onde tudo é analisado segundo um de dois paradigmas. Ou és pró ou és anti Vieira. E a avaliação de tudo o que acontece é com base nisso.

Desconfio que a grande maioria dos sócios não se revê nesta forma de debate. Como refere o Edu, antes de estarmos a festejar o suposto início do fim do Vieira ou estarmos a defender irracionalmente tudo o que tem sido feito, deveríamos procurar comunicar.

Agora, claro que isto não vai acontecer. Os "sabichões" continuarão "sabichões", os "carneiros" continuarão "carneiros". É uma pena.

Saudações,

Alexandre

Far(away) disse...

Bom post Edu, mas as pessoas quando são torturadas durante anos, por vezes têm o direito de perder a paciência, penso eu. Ninguém é perfeito, abraço.

Alexandre disse...

Far,

com todo o respeito que sabes que tenho pela tua opinião, não achas que torturadas é uma palavra extremamente forte? É assim tão difícil ser adepto do Benfica ao ponto de considerares que é uma tortura?

Eu não assobio para o lado e reconheço que já me excedi aqui e ali. Obviamente que não vai haver um momento de iluminação colectivo, mas vamos ser honestos: quem perde a paciência (seja para defender o que for) não é às vezes, é sempre. Tudo é mau ou tudo é bom. E mesmo o que é bom, vai ser mau (e o contrário).

Note-se que gosto imenso de te ler, mesmo quando não concordo, e valorizo a tua ponderação. Portanto, quando digo assisto tristemente a uma polarização de uma minoria que se guerreia não penso em ti.

Abraço,
Alexandre

Andre disse...

LFV nas proximas eleições tem que sair, por favor sócios não votem neste vigarista outra vez.

Far(away) disse...

Não, não acho que estou a exagerar Alexandre, ou a última época para ti não foi uma tortura? Ou o mandato de LFV onde acabamos sempre abaixo do segundo lugar para ti não foi uma tortura? Olha para mim foi. É uma tortura eu perceber que o Benfica que eu conheci já não existe, é uma tortura aperceber-me que os valores do Benfica, foram substituídos por outra coisa qualquer.

UnumSLB disse...

Pessoas inteligentes a ver o mundo a preto e branco. E quase exigem a tomada de posição. Ou se é pro ou contra. Porra será que o cinzento não existe.

Far(away) disse...

Para os daltónicos não Unum :)

Edu disse...

Penso que o primeiro comentário pertence ao meu Pai :) Não pode haver outra explicação e mais ninguém no mundo fala assim de mim.
É um orgulho ler tais palavras, sobretudo vindas de ti, meu Pai.

Obrigado, mas na próxima tens que colocar bem o teu nome pois, que eu saiba, não te chamas Eduardo :D

Toneca, primeiro que tudo, pelo que percebi foste um dos que ontem foi lá falar. Por isso, quero-te agradecer.

Posto isto, posso-te dizer que não eram bem seguranças que ali estavam, pois um deles era mesmo um director nosso e tinha a obrigação de ali estar presente.

Como é lógico, não somos ingénuos e sabemos as funções deles ali. Mas apesar das ofensas e de tudo o que foi dito, estes só intervinham caso alguém se tentasse aproximar do Vieira. E isso é algo normal, parece-me.

Não penses com isto que sou a favor do Vieira. Aliás, muito do que disseste aqui, subscrevo. No entanto, pelo Benfica e para que consigamos chegar a outros sócios com menos informação ou com ideias diferentes, temos que falar com outros modos. Só isto.

Falhei em não ter falado na postura do nosso Presidente. Ainda bem que referiste isso, pois também ele, se quer respeito tem que se dar ao respeito e não se rir daquela forma, estar a mexer no telemóvel, entre outras situações.

E Toneca, também não tenho memória curta, felizmente. Sei disso tudo e não me perco em demagogias baratas.

Alexandre, é isso mesmo. Eu nem quero ser anti-vieirista nem apelidado de pró-vieirista. Eu simplesmente sou Benfiquista e critico quando se faz mal ao Benfica e elogio quando se faz bem.

E é verdade que o vieira já fez coisas boas pelo Benfica. Mas também é verdade que já fez muitas mal feitas. Resumo as minhas criticas ao entreposto (temos aproximadamente 60 e tal jogadores com contrato sénior) e a um passivo de 400M, sendo que perdemos muito património. Mas já tive oportunidade de fazer um post neste sentido, no final da época.

Far, não preciso de falar muito, tu conheces-me bem e sabes o meu ponto de vista, tal como eu o teu.
Simplesmente considero que, por um Bem maior, o do Benfica, temos que saber dizer as coisas por outras palavras e sem insultos. É esse o caminho que defendo, precisamente por o Benfica ser de todos nós.

Por muito torturante que tenha sido, é a minha convicção que sem esta postura não damos a volta por cima.

Um grande abraço a todos

Águia Preocupada disse...

Estive também ontem na AG e não vi que algum sócio faltasse ao respeito a Vieira ou a quer quer que fosse. Achei até que os oradores foram correctos e directos nas suas criticas e questões.
Se alguém faltou ao respeito esse foi sem dúvida Vieira. Além de se rir e "brincar" com o tlm, dirigiu-se aos sócios com palavras em tom ameaçador: "Eu não tenho medo de vocês" para continuar com: "vamos ter aqui uma conversinha"
Vieira não esperava a reacção dos sócios. Ainda andava no mundo da lua, criado por si e pelos seus acólitos e lambe botas. Acreditava ainda que podia manobrar as AG como sempre tem acontecido! Daí a sua perplexidade e nervosismo que o levou a utilizar o tlm para disfarçar!
Atrás de mim estava o lambe botas nojento do Pedro Guerra; estava sem respiração e sem ânimo para qualquer reacção!
Obrigado a todos que falaram e fizeram eco do sentir dos benfiquistas.
Ontem Vieira sentiu o que jamais pensou ser possível: A contestação ali, olhos nos olhos, ele que ainda se julgava o Rei Sol! E mostrou que não estava preparado para uma reacção desfavorável à sua pessoa de salvador da pátria!
Fomos poucos, mas foi uma amostra do que é o sentimento generalizado da familia benfiquista!
Que Vieira aprenda e se quiser reverter as coisas em seu favor, terá que trabalhar MELHOR e demonstrar muito mais do que tem mostrado até agora.
E ter outro discurso e argumentos, pois a inteligência não está na fôrma que calça o pé mas na forma como usa a cabeça!

Alexandre disse...

Far,

Não. Não foi uma tortura. Obviamente que os resultados finais foram negativos e obviamente que resultaram em muito de erros de gestão. Aliás, muito tens escrito sobre isso e concordo com quase tudo.

No entanto, eu gostei da nossa equipa. Gostei do futebol que jogamos e gosto da maioria dos nossos jogadores. Vejo que uma identidade de jogo (que precisa de ser consolidada e aperfeiçoada), que jogamos um futebol bonito e ofensivo, que temos jogadores muito talentosos (e outros menos, que espero que sejam substituídos por outros melhores) e que somos capazes de ganhar.

É certo que o ano passado pouco o conseguimos, mas também me parece que não o deixamos de conseguir porque o máximo desta equipa não dava para ganhar, mas sim porque não estivemos no nosso melhor. A última imagem é a que fica, mas não vou esquecer a sequência maravilhosa que tivemos. É certo que algumas contratações falharam, mas também conseguimos jogadores que gosto muito e outros com tremendo potencial.

Olho para o que está a ser o mercado e o fluxo de informação é tanto e tão contraditório que não sei o que pensar. Mas, arriscando-me a a ser contrariado por novos factos, para além do circo dos mil miúdos contratados estamos a adquirir jogadores que tu próprio apontas qualidade e potencial. O pior pode acontecer, mas também coisas boas podem acontecer.

Não penses que isto se trata da defesa de um treinador ou de um presidente. Trata-se sim do meu gosto. Eu gosto deste futebol e (como aconteceu no ano anterior) é um prazer ver-nos ganhar assim. Eu gosto de jogadores latinos e gosto de um futebol criativo. Portanto, torço que esta equipa tenha sucesso. E, chama-me ignorante se achares adequado, acho possível formarmos uma grande equipa assim (com as necessárias melhorias a serem trabalhadas).

Portanto, e sem invocar o passado, não consigo em consciência dizer que esta época foi uma tortura. Os adversários também existem e nenhum clube é imune a cometer erros.

Isso significa que não se possa mudar? Claro que não. Daqui a um ano há eleições e de espírito aberto analisarei todas as candidaturas e faria a minha escolha. Até hoje o Vieira teve dois adversários. O Jaime Antunes e o Bruno Carvalho. Vale a pena dizer mais alguma coisa?

Abraço,

Alexandre

Far(away) disse...

Não sei como podes dizer que a época passada não foi uma tortura mas é a tua opinião. Para mim foi a época mais humilhante que vi de Benfica.

Águia Preocupada, revejo-me totalmente no teu comentário.

Edu, dá um abraço a teu pai, e diz-lhe que um dia vou convidar o filho dele para ser director do departamento de comunicação do Benfica, ehehe!

Anónimo disse...

Ó Alexandre, qual é o problema do Jaime Antunes? Por acaso sabes alguma coisa a respeito dele?

Martins disse...

Concordo com o Alexandre , a última época não foi assim tão negra comparada a outras nos ultimos 20 anos.As derrotas com o Porto foram de facto humilhantes , mas certamente para o ano não se voltarão a repetir . As meias finais da Liga Europa e o segundo lugar não foram brilhantes , mas houve qualidade .Falta um maior equilibrio na equipa , ou seja , opções mais válidas . É PRECISO CONFIANÇA Far.

Alexandre disse...

Far,

Não tenho nenhuma verdade para apresentar. Limito-me a dar a minha opinião. Tu consideras que foi a época mais humilhante que viste do Benfica e só posso respeitar. Acho uma afirmação intrigante, no mínimo, mas terás os teus argumentos. Confesso que adoraria saber que épocas assististe e em que aspectos foram melhores do que esta. Apenas te posso dizer que odiaria estar na tua situação.

Far(away) disse...

Vejo Benfica desde as finais das taças dos campeões europeus contra PSV e Milan. Aquilo que vi no ano passado, perante o orçamento que o clube tinha, perante o que investiu foi a época mais frustrante que assisti do Benfica.

Quanto ao estar confiante ou deixar de estar, eu não sou um homem de fé. Apenas de me basear naquilo que a realidade me dá a observar.

Alexandre disse...

Temos mais ou menos a mesma idade. Vimos o mesmo Benfica. Continuo sem compreender. Epá, eu não sou gestor financeiro. Eu sou adepto de futebol. Não peço o impossível, mas não meço o sucesso ou a qualidade do jogo em função do que me dizem que são as nossas possibilidades. Não gosto mais ou menos de um jogador porque foi mais caro ou mais barato. Gosto pelo que jogam. Se me dizes que privilegias uma análise da equipa tendo como referência um horizonte financeiro, consigo compreender um pouco melhor a tua posição. Mas esse não é o meu ponto de vista.

Dou-te um exemplo. Não consigo gostar menos do Roberto do que o Yannick, do Bossio, do Butt, do Moretto, do Quim, etc, etc, apenas porque foi mais caro e, consequentemente, gerou um negócio mais ruinoso. Não gosto porque não conseguiu aguentar a pressão e porque errou mais do que podia.

Sobre a próxima época vou aguardando. Como tu, espero para ver quem aparece e que decisões são tomadas. Agora eu admito desiludir-me neste Verão, mas não estou perante um cenário de tortura. Já o tive e sei como é. Dai não te invejar.
E um lugar terrível para se estar.

Far(away) disse...

Temos pontos de vista divergentes, não há mal algum nisso.

Se calhar sou demasiado exigente. Se calhar vivo um Benfica que já não existe. Seja em resultados, seja em valores.

oO disse...

Dá gosto ler um post assim.
Discernimento de uma ponta a outra.
Mas infelizmente a razão nem sempre controla a emoção.

Papoila calmante disse...

Boa noite Edu,

Espero que estejas bem, li e reli o teu post, assim como o do Joga que estão excelentes.
Em relação ao que escreveste, postei no Chama uma(s) pergunta(s) que te deixo para responder.
Achas que o Presidente decidiu não renovar o contrato com o Nuno após ter saído da AG? Terá telefonado ao JJ e feito a pergunta »Jorge, comé, contas com ele ou não?» ... ou achas que ele teve receio de dar a conhecer aos Benfiquistas, a sua decisão antes da AG?

Achas séria essa postura?

Abraço grande para ti

Manuel

Edu disse...

Boa noite meu caro e bom amigo. Está tudo, espero que contigo também.

Sabes, não te deveria responder pois o sitio certo para o fazer seria naquele maravilhoso espaço que temporariamente abandonaste. E quando digo temporariamente, é na esperança que voltes. Fazes falta, muita mesmo.

Posto isto, vamos à(s) tua(s) pergunta(s). Só posso mesmo opinar, visto não ter informação para te responder a isso. Talvez o Joga saiba. No entanto, acredito que tenham pedido ao Nuno para só anunciarem após as eleições. Posso estar a ser injusto, no entanto é nisso que acredito.

Só demonstraria o grande carácter do Nuno em contraste com o do Vieira. Mas repito, sem provas ou conhecimentos de causa, não posso condená-lo por isso.

Um grande abraço para ti,

Eduardo

Toneca disse...

Caro Edu e Papoila calmante, foi pedido ao Nuno Gomes que esperasse até 3ª feira, ontem, para ser tomada uma decisão. E ontem, tal como tinha ficado acordado, foi proposto ao Nuno Gomes (está no estrangeiro de férias, foi tudo via tlm), um lugar na SAD do Benfica, sem se saber bem o que iria fazer, mas para ficar na estrutura. Comojogador não haveria possibilidade, porque o JJ não conta com ele.

É vontade do Nuno jogar mais uma época, daí ter recusado o convite, ainda por cima um convite sem se saber para quê porque nem o LFV sabia nem pensou onde colocar o Nuno.

O Nuno Gomes não vai sair de Portugal, está magoado com o Benfica e quer provar, em Portugal, que tinha qualidade e capacidade para fazer mais uma época.

No final da próxima semana haverá novidades sobre o seu futuro.

O LFV, ao adiar a decisão para 3ª feira, evitou esta convulsão antes da AG, apenas por isso foi ontem conhecida a decisão do Benfica/ Vieira/ JJ.

Carrega Benfica

Ricardo Araújo disse...

A pedido do Sculpture, que parece que o Vieira mandou bloquear os comentários a blogs... :P

"Quando dizes Edu "Chamar de c**** ao presidente é desrespeitar a autoridade máxima do Benfica."

A autoridade maxima sao os socios do benfica e esses é k tem sido desrepeitados pelo presidente por isso chamar cab*** ou filho da **** nao é mais k 1 meiguice

Edu disse...

Obrigado pelo esclarecimento, Toneca.

o0, é minha convicção que só assim conseguimos tornar um Benfica forte e exigente.

Ricardo Araújo, penso que percebeste bem que me referia em termos hierárquicos e de cargos no Benfica. Claro que quem manda no Benfica são os adeptos, os sócios. Porém, quem gere o clube, quem contrata jogadores (ao contrário que o senhor da AG disse) é o Vieira, não nós.

Interessa-me a mim que se discuta o Benfica de uma forma civilizada pois só assim é que conseguimos chegar aos senhores da primeira fila das AG. E é a dialogar que a gente se entende. Acreditem que podemos ter muita razão mas eles lá terão as suas também. E, no final, ganha o Benfica.

O que interessa é informar as pessoas, debater e trocar informação. Pois, por muito que eu possa estar certo, se não fizer a maioria ver isso, de que me vale esta "verdade"? Que ganha o Benfica com isso?

Eu sei quem vai ganhando com esta divisão dos Benfiquistas e não é o Clube, certamente.

Abraço a todos

David Duarte disse...

Foi sem duvida a época mais humilhante do Benfica. Sim eu sei, jà ficàmos em sexto, jà ficàmos dois anos sem ir às competições europeias, jà levàmos 7-0 com a Europa a ver. Contudo hà uma grande diferença : é que nessa altura pura e simplesmente não tinhamos nem equipa nem meios para construir uma. Por outras palavras, foram épocas em que finalmente os proprios benfiquistas sabiam que não dava para mais.

Agora esta época... começar com expectativas de revalidar o titulo (nem os portistas em Agosto estavam confiantes!), de fazer uma grande Liga dos Campeões (com o Jorge Jesus a dizer que é seu sonho ganhà-la com o Benfica) e sobretudo com meios humanos e financeiros para fazer tudo isto... qual foi o resultado?

1. Perdemos o campeonato.

2. Em 5 jogos contra o nosso principal adversàrio perdemos 4 entre os quais num levàmos 5-0, noutro eles foram campeões em nossa casa e noutro eliminaram-nos novamente em nossa casa depois de termos uma vantagem de 2-0!

3. Uma LC vergonhosa onde mesmo no nosso melhor jogo conseguimos sofrer 3 golos em 20 minutos.

4. Uma Liga Europa onde jogàmos a segunda mão das meias-finais (!!) como se fosse a Taça do Guadiana: sem vontade nenhuma (e mesmo na Taça do Guadiana acho que o Benfica se esforça mais)!

Sim! Foi a época mais frustrante que vi do Benfica. E sabem quando cheguei a este sentimento? Quando dei por mim a pensar "meias-finais duma competição europeia, segundo lugar do campeonato... não foi assim tão mal apesar de não termos ganho nada". Se é para ter este estado de espirito torno-me socio do Sporting.

superaguia1904 disse...

Concordo com o post.
Todos estão sujeitos a críticas é certo. Todos pensamos que sabemos mais ou que faríamos melhor. De fora é fácil opinar.
Mas a forma como se fazem as críticas ou se expressam opinões pode ser construtiva ou não. Fazer "Ruído" ou criticar levianamente, não só não ajuda o clube como o enfraquece. Isso não é benfiquismo.
Quando houver eleições (faltam 16 meses) e se houver melhores alternativas tudo bem, que façam valer os argumentos e que os mesmo mereçam a escolha do sócios pelos votos. Os argumentos que forem válidos hoje também o serão em Outubro de 2012. Se aparecer um candidato melhor que Vieira o Benfica só terá a ganhar e os sócios reconhecerão isso!
O que não pode acontecer, e é o que alguns parecem pretender, é fragilizar o clube e quem tem a responsabilidade de tomar decisões, para que Benfica seja gerido de fora para dentro, ao sabor das emoções de cada momento.

Até lá, há que apoiar e ajudar o clube a vencer os desafios que tem pela frente.

Como referiu Domingos Amaral, "a cada vez mais poderosa máquina de propaganda do FC Porto, com os seus escribas e serviçais, não descansará enquanto não vos destruir, bem como certa comunicação social, sempre pronta para causar danos, e certos empresários, sempre prontos para vos sorver as finanças. O descalabro do Benfica interessa a muitos.

A sequência de “casos” tem sido imparável. Primeiro, o “caso PJ”, cheio de “luvas”, “burlas” e outros horripilantes pecados. Depois, o “caso Coentrão”, intencionalmente inflamado com a nitroglicerina do costume. Pelo meio, os infindáveis casos das mil e uma “contratações”, com magotes de jogadores a entrarem todos os dias para o nosso plantel. E também o “caso Nuno Gomes”, para perturbar ainda mais as emoções dos sócios.

A intenção é óbvia: fragilizar-vos. Minar o tridente. Abalar um, dois, ou os três. Tentar que a vossa união se quebre. Tentar que Jesus desista, que Rui Costa se afaste, que Vieira ceda. Tentar, tudo por tudo, que até ao final do verão, na pior das hipóteses, o Benfica entre em convulsão.

Perante este cenário, só há uma resposta possível. Cerrar os dentes, cerrar as fileiras e aguentar. Os senhores, os três, têm de se unir, com laços de cimento se for preciso, e nem por um momento ceder a esta onda maligna. Espero que tenham força mental para lutar contra este bombardeamento permanente. O que não nos mata torna-nos mais fortes. E um Benfica forte incomoda muita gente..."