sábado, 26 de julho de 2008

Plantel

O Benfica enfrenta nesta pré-época o grande momento da verdade. Se Sporting e FC Porto parecem ter os plantéis bem definidos, o nosso ainda não está. Nessa medida, e face às dispensas que Quique Flores irá realizar, proponho aqui os 22 jogadores (faltam ainda 3 reforços para chegar aos 25 desejados pelo espanhol) que deveriam, na minha opinião, fazer parte do plantel do Benfica.

Guarda-Redes: Aqui não há discussão possível: Quim, Moreira e Bruno Costa são para manter. Não deverá ser contratado nenhum terceiro guarda-redes. Mais vale ir dando tempo ao jovem Bruno Costa para ganhar experiência do que gastar dinheiro num não-titular.

Defesas-direitos: Nélson é o único jogador que na minha opinião tem classe suficiente para pertencer aos quadros do Benfica. Ontem ao ver o jogo com o Blackburn, perguntei a mim mesmo como é possível ainda não termos dado guia de marcha ao Luís Filipe. Maxi Pereira também permanece no limbo da indecisão...

Defesas-esquerdos: Se um plantel precisa de dois defesas esquerdos, esses dois são Léo e Jorge Ribeiro. Sepsi continua a mostrar-se muito infantil e imaturo, sendo que me parece lógico que o seu empréstimo é a melhor solução neste momento.

Defesas-centrais: Zoro é carta fora do baralho de Quique. Luisão e David Luíz parecem ser os titulares indiscutíveis. Entre três jogadores (Miguel Vítor, Sídnei e Edcarlos), dispensaria o último, pois já teve oportunidades suficientes para demonstrar o seu valor e não o fez. Apesar de ficarmos com três defesas centrais com menos de 21 anos, em último recurso Katsouranis pode fazer esta posição.

Médios-defensivos: Têm de ser pelo menos 4. As escolhas óbvias parecem ser Petit, Katsouranis e Yebda. Depois ficamos ainda com Rúben Amorim, Bynia e Felipe Bastos. Destes 3, escolho Bynia. Não escolho Rúben Amorim por continuar a achar que não tem valor suficiente para jogar no Benfica e não opto por Filipe Bastos porque está numa idade em que é fundamental jogar para se desenvolver futebolisticamente. O seu empréstimo a um clube do meio da tabela da Liga seria uma boa ideia.

Médios-ofensivos: Carlos Martins e Pablo Aimar. Do Assis já estou farto... que se vá embora.

Médios-esquerdos: Di Maria. Temos mais algum?

Médios-direitos: Balboa parece-me um desastre, mas há que aguardar. Maxi Pereira não parece ter grandes hipóteses e sinceramente não vejo grande margem de progressão ao uruguaio. Continua mole a atacar e a defender. Sem espírito nem futebol para o Benfica. Deve sair ou ficar como defesa-direito.

Avançados: Cardozo e Nuno Gomes estão certos. Um porque é o goleador, o outro porque é o único ponta-de-lança da equipa que consegue arranjar espaços. Makukula também merece ficar. Tem dado bons sinais ultimamente. Não acho que seja assim tão mau como o pintamos. Entre Mantorras e Urreta só pode ficar um. Só esperando para ver exibições de ambos, mas nesta fase, escolheria o jovem que ontem marcou.



P.S. É impossível resistir a esta situação, ironia do destino. Jan Vennegoor of Hesselink, o tal que andava à procura dos trocos nas portagens para chegar ao Porto na era Co Adriaanse, acaba de marcar o golo que derrota os dragões na sua apresentação aos adeptos portistas. Grande Vennegoor!

7 comentários:

Zeca disse...

Não concordo num ponto. Filipe Bastos pode ser novo mas têm GRANDE TALENTO pode desenvolver-se enquanto ajuda o Benfica.

Já o Binya é o tipico "parte tudo" um jogar mediano amais para o benfica.

John Billy disse...

Estou com o Zeca, o Fillipe Bastos mete qualquer outro dos médios no bolso!

Constantino disse...

A primeira coisa que ha a salientar é a atitude da equipa tecnica de dar oportunidade a todos os jogadores de se mostrarem. Desta forma nenhum Luis Filipe vai poder dizer que não lhe deram oportunidades.
Por outro lado tambem acho o Fellipe Bastos muito superior ao Binya, que de resto acho que é pouco melhor que o Fernando Aguiar. Na minha perspectiva a presença do Binya no plantel so se justificava para entrar nos ultimos minutos do jogo com o fcp e fazer uma entrada à Roy Keane no rodrigues.
Na questão do Katso, e se se decidir a fechar a matraca e a jogar futebol a serio de uma vez por todas, devera recuar para central, por merito proprio e por falta de alternativas (David Luiz prepara-se para perder mais uma pre epoca completa por causa de um dedo do pé).
Relativamente ao Mantorras, de uma vez por todas assuma-se em que condição fisica esta e dispense-se caso não possa jogar 90 minutos. Já chega de caridade e se ele marcou 5 golos no ano do titulo não fez mais que a obrigação e o SLB ja lhe deu mais do que o que recebeu dele. Pragmatismo é o que se pede.

JNF disse...

Atenção, eu nunca disse que Bynia era melhor que o Filipe Bastos. Pelo contrário. Só escolheria o Bynia porque o Filipe Bastos nã deve ser capaz de jogar uma temporada inteira no Benfica devido à forte concorrência. Mas admito, claro que Bastos é e será um grande jogador

Anónimo disse...

Boas tardes:

Prezados consócios e Benfiquistas

EIS A OPERAÇÃO PARA JÁ FALHADA!

O NEGÓCIO do QUARESMA era este, e ainda pode ser:
1º O Inter de Milão ia pagar a Clausula de rescisão do João Moutinho que é de 20 milhões de euros.
2º O Porto mandava o Quaresma para o Inter de Milão
3º O Inter de Milão trocava o João Moutinho pelo Quaresma e pagava ao Porto mais 5 Milhões de euros .
4º Ou seja, o João Moutinho nunca chegava a assinar pelo Inter de Milão. O João Moutinho ia estar 15 dias em Itália, e seguiria para o Porto.

O NEGÓCIO SIMÃO :
1º O Porto vendia o Lucho ao A. Madrid.
2º O A. Madrid mandava o Simão para o Porto e pagava mais 5 Milhões de euros.
3º Ficava acordado entre A.Madrid e Porto que o A.Madrid pagava durante 1 ano 150 mil Euros/Mês ao Simão e o Porto também Pagava 150 mil Euros ( ao fim do 1 ano o Porto pagava o Salário na sua totalidade)
4º O A. Madrid no meio disto tudo ainda ficava a lucrar 1 milhão de euros:
5ª O A. Madrid fazia isto porque precisa de dinheiro para fazer um aumento de capital.
Esta é chamada Engenharia financeira.
ACORDEM SADS DO BENFICA E SPORTING, ACORDEM ,ENQUANTO É TEMPO.

Valter Centeio disse...

Relativamente à referência à derrota de ontem do FC Porto, gostaria aqui de devolver a gentileza e referir: Grande Sporting!
Pressinto que está mais uma vez a começar uma época em grande do "glorioso"...
Comecem já a treinar a língua para justificar as derrotas com as arbitragens. Vão ter muito que justificar....

Cheers

LC disse...

O Petit é carta fora do baralho, vai pro Colonia.
Bynia em ez de Flipe Bastos é para rir, a qualidade que demonstra é só de uma superiordade arrasadora em relação a todos os outros.
Amorim está a ser uma decepção.
makukula pode ir pro maritimo, Porto ou Sporting, matacões que nem um toque na bola sabem dar, não mto obrigado.
Assis mereec ficar no plantel, é uma 2ª escolha muito valida.