quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

Melhores e Piores de 2009

Aqui fica a minha opinião sobre o que de melhor e pior se passou durante este ano no nosso clube.

Jogador do Ano: Óscar Cardozo
Flop do Ano: Javier Balboa
Jogador Revelação do Ano: Fábio Coentrão
Jovem Jogador do Ano: Roderick Miranda
Contratação do Ano: Ramires
Melhor Jogo do Ano: Benfica 8-1 Vitória FC
Pior Jogo do Ano: Trofense 2-0 Benfica
Golo do Ano: Saviola, no CFB 0-4 SLB (0-1)
Roubo do Ano: FC Porto 1-1 SL Benfica (Pedro Proença)

Modalidade do Ano: Basquetebol
Desportista do Ano: Ricardinho (Futsal)
Treinador do Ano: André Lima (Futsal)

Dirigente do Ano: Rui Costa
Momento do Ano: Desconto de tempo de André Lima, no Jogo 4 da Final
Alegria do Ano: Basquetebol campeão
Tristeza do Ano: Morte de Robert Enke
Acontecimento do Ano: Telma Monteiro, campeã europeia
Caricato do Ano: "Boa tarde a todos os sócios e associados do Benfica", primeira frase de Jorge Jesus à Benfica TV.

Projecto do Ano: Benfica TV

12 comentários:

Homem da Luz disse...

Mais coisa menos coisa parece-me mto bem. Mas familiar JNF, explica-me uma coisa o que é que aconteceu no Momento do ano que parece-me que perdi isso.

Abr e os votos de um 2010 Glorioso, com passagem no Marquês em Maio.

JNF disse...

Eu sei que a escolha para Momento do Ano não é muito óbvia, mas passo a explicar a situação:

Jogo 4 da Final do Campeonato Nacional de Futsal, que se decide à melhor de 5, ou seja, quem ganhasse 3 jogos era campeão. O Benfica venceu o primeiro jogo na Luz, mas o Belenenses venceu, no dia a seguir, na Luz também. Os dois jogos seguintes seriam no Pavilhão Acácio Rosa, no Restelo, onde os Pastéis só perderam por 2 vezes nos últimos 3 anos, salvo erro. No Jogo 3 da Final o Belém voltou a ganhar, ficando apenas a 1 vitória do seu primeiro título. Estamos portanto no Jogo 4 e Benfica precisa desesperadamente da vitória. O jogo não podia ter arrancado pior: em 5 minutos o Benfica já estava a perder por inexplicáveis 3-0 com 4 faltas feitas. Aí, André Lima, no seu primeiro ano de treinador, pede um desconto de tempo, fala com os jogadores e depois foi uma banhada de bola monumental. Arnaldo reduz, Ricardinho deixa-nos à beira do empate e César Paulo confirma a igualdade perto do intervalo. No segundo tempo Pedro Costa coloca o Benfica em vantagem, e Ricardinho faz o 5º e 6º golos, sendo que o 5º é num livre fantástico. O Bebé ainda defendeu um penalty. Concluindo, após estar a perder por 3-0 aos 5 minutos, aquele desconto de tempo mudou completamente a época. Aquilo foi por isso o Momento do Ano, uma vez que eu queria que o Momento não fosse um jogo, um golo, um roubo de arbitragem ou uma contratação, mas sim uma decisão. E aquela decisão do André Lima foi crucial para o desfecho da época. E no Jogo 5 fomos campeões.

Podes recordar esse fantástico CFB 3-6 SLB aqui. Repara bem nos festejos dos jogadores do Benfica, dizem tudo.

Éter disse...

Para mim o dirigente do ano foi o Carlos Lisboa, director-geral das modalidades.

djeiti disse...

Para jogador jovem do ano penso que o Miguel Vitor merece maior destaque.
O melhor jogo do ano também não escolheria a goleada ao Setúbal. Optaria pela recepção ao Everton ou mesmo pelo último jogo do ano...

Concordo com o resto, especialmente com o momento do ano!
Saudações Benfiquistas e um Glorioso Ano 2010!

Jotas disse...

No geral concordo, embora devesses encaixar qualquer coisa em Javi Garcia, que acho fantástico, talvez prémio determinação, pelo jogo de Alvalade em que levou 12 pontos e sempre a querer ir á luta.

Homem da Luz disse...

Amigo JNF,
está explicado e mto bem explicado.
Seguindo o teu critério de escolha acho que é sem dúvida um dos melhores momentos de 09.
Permite-me que me acrescente outro:
a decisão de mandar Quique Flores para a terra dele. Que alívio foi!
Abr

JNF disse...

Éter,

estive para colocar o Carlos Lisboa, pelos vários títulos nas modalidades e pelo trabalho desempenhado, mas acabei por escolher Rui Costa pelo facto de estar a blindar bem o balneário à semelhança do que outros fizeram anteriormente.

djeiti,

a ideia deste prémio é para os jogadores das camadas jovens, o MV já não o poderia ganhar.

dezazucr disse...

Para mim, dirigente do ano, também escolheria o Carlos Lisboa. Afinal, foi nas modalidades, com destaque para o basket e o futsal que o Benfica apresentou resultados.
Depois, para mim, apesar do Benfica-porto ter sido um dos jogos do ano, eu escolhería o jogo Benfica 6 Nacional 1, pelo resultado, golos e principalmente porque foi o jogo mais disputado e renhido, com mais sangue na guelra.

Golo do ano, a chapelada do Saviola, até porque foi o culminar de uma excelente jogada colectiva (destacando a equipa) em que a bola parte do Quim e ainda passa por cinco jogadores em passes curtos até ao momento do golo.

Contratação do ano eu escolhería, sem dúvida, Jorge Jesus. Nem quero imaginar se ele tem ido para ao porto. A seguir sim, Ramires, secundado por Saviola e Javi.

Momento do ano, escolhería o golo do Saviola ao porto.

Coxo disse...

Também penso que mais dos que os 8 ao Setúbal, o jogo com o Everton em casa foi o melhor.

Aqueles primeiros 15 minutos da 2ª parte foram de sonho.

Felizmente, o segundo semestre deu-nos muito por onde escolher.

E recordo que em 2010 de escolhas serão ainda mais difíceis...

Como iremos decidir entre a vitória no campeonato comemorada no tripanário (quando lá formos jogar com 7 pontos de vantagem), a conquista da Uefa Futsal Cup pelo Futsal, o Bicampeonato de Basquet, a vitoria suada em Hamburgo para a Liga Europa ou o início de uma nova era no Hóquei em Patins?

mariofarm disse...

Excelente post num grande blog! O nosso EternoBenfica nunca foi falado na Benfica TV?

JNF disse...

Não sei, mariofarm, mas em que programa é que costumam falar dos blogs?

Coluna D'Águias Gloriosas disse...

é naquele programa dos benfiquistas da Tertúlia Benfiquista....

porreiro este post pá:)

vou fazer uma cena parecida lá no meu também.....

saudações gloriosas