segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Outra vez Roberto

Agora pelos bons motivos. Já escrevi muito sobre Roberto e não retiro uma vírgula ao que escrevi. Chegou ao Benfica semi-incógnito envolvido numa gigantesca quantia de dinheiro, ainda não justificada em campo apesar do histerismo instalado, e desde cedo deu barraca. Em vários amigáveis, em jogos para o campeonato, foram demasiados golos mal concedidos. Razões para críticas? Mais que muitas, sim, merecia. E muito sinceramente, face ao que já tinha visto dele, não me surpreendeu, não tinha gostado nada das suas actuações nos jogos que tinha visto, acumulou erros e cedeu golos que nem Quim provavelmente deixaria entrar.

O que se tem visto depois do abanão que Jesus deu na equipa ao colocar Júlio César a titular (tem graça, afinal também Jesus não se manteve fiel à sua aposta) é totalmente diferente. O trabalho desenvolvido com os treinadores e psicólogos deu frutos e ainda bem, todos temos a ganhar. Hoje vemos um guarda-redes seguro, confiante, que agarra a bola à primeira, que sai com segurança, que passa com confiança, que está como peixe dentro de água. A questão a fazer é: até quando?

São vários os casos de jogadores de qualidade que não conseguem singrar num dado clube e são também vários os casos de jogadores sem qualidade que acabam por fazer carreira em certas equipas. Onde se situa Roberto? Não sei. O Roberto que eu conhecia é aquele dos primeiros jogos de águia ao peito. Este Roberto, o actual, não conheço. Mas naturalmente que gosto mais do segundo.

Todos sabemos qual o Roberto que queremos mas não sabemos que Roberto temos. É esse o cerne da questão, com que guarda-redes podemos contar? Com o tecnicamente e fisicamente muito competente ou com o técnica e mentalmente fraco? Não sou grande apologista de dizer que jogo "x" vai ser decisivo na resposta à pergunta que acabei de colocar, mas estes dois próximos podem dar-nos uma importante indicação. Sabendo que Roberto está de pedra e cal na baliza, todos estaremos com ele, todos o apoiarão. Porque o seu sucesso será o nosso sucesso.

13 comentários:

Rearviewmirror disse...

Quem segue de perto o campeonato espanhol sabe que Roberto foi considerado o melhor guarda-redes da segunda volta, na época passada. Acabou com uma média de golos sofridos por jogo apenas comparável a Casillas e a Valdes, e jogava numa equipa que lutava para não descer de divisão.
Vinha habituado a diferentes rotinas de jogo, diferentes métodos defensivos, a companheiros que falavam a sua lingua.
Passou momentos dificeis, mas a qualidade sempre lá esteve.
Nos ultimos 6/7 jogos esteve absolutamente impecável, e mesmo em Lyon, só não defendeu o impossivel.
Pode vir a voltar a falhar no futuro, quem sabe. Ele não é perfeito.
Mas para mim, ele tem condições para ser o melhor guarda-redes que passou na baliza do Benfica, desde os tempos de Preudhomme.

pjsimoes disse...

Este Roberto é o Roberto titular do At. Madrid e do Zaragoça e só tem 24 anos. Se vai voltar a falhar? A resposta é simples e igual para QUALQUER GR... É óbvio que vai falhar, TODOS falham!!!!

O tal que era mais barato e melhor tornou a mandar uma frangalhada de todo o tamanho.

JNF disse...

Claro que vai falhar, eu quero é saber se vai voltar a falhar com estrondo como já falhou. Isso é que não pode acontecer.

Quanto a dizerem que era o titular do Atlético de Madrid... hehehe... brincadeira, só pode. Asenjo era o titular e depois da saída deste para o mundial sub-20 Roberto ficou com a baliza. Lesionou-se e foi substituído por De Gea e quando os 3 estavam aptos o Roberto passou a ser a 3ª escolha. Logo, não era o titular.

O Quim também foi considerado como o melhor GR do nosso campeonato por mais de uma vez e a sua qualidade era "n" vezes questionada. Roberto, no Zaragoza, teve uma média de golos sofridos superior a 1 por jogo. Dizer que foi o melhor GR da segunda volta? Tudo é possível a partir do momento em que li que Saviola era lixo e que Pedro Léon era muitíssimo melhor que Di Maria.

Ah sim, vi alguns jogos e vi alguns golos sofridos e não gostei.

Pedro disse...

JNF, todos falham e até os melhores falham com estrondo. Não é por aí. Não gostei de algumas falhas de Roberto pq mantinham os erros do passado e após 8.5 milhões de euros isso para mim era inaceitável e pq mostravam um jogador afectado psicológicamente. Felizmente a situação inverteu-se e hoje temos um gr com confiança. Mas esta não é a época para se analisar devidamente Roberto, essa época será a próxima, qd já teve um ano de adaptação à nova realidade, a um novo estilo de jogo, numa equipa q joga sempre para vencer e onde ele terá menos trabalho mas cada vez mais importante.

Este ano só desejo q ele se mantenha como está agora, tranquilo.

Frangos? Concerteza q os irá dar...como qqr um do mundo.

PS: Todos os golos q sofreu o Quim tb os sofreria. Já safou alguns q duvido q Quim os safa-se.

DeVante disse...

Mas porquê que Roberto tem de jogar sobre brasas e não sobre o relvado?

Mas porquê que ao Roberto ninguém concede a mesma margem de erro que é concedida a todos os restantes jogadores?

Se perdemos em Schalke foi por CULPA de Peixoto e David Luiz...

Se perdemos em Lyon foi por CULPA de Martins e Luisão...

Mas não acabou o mundo, já se Roberto falhar é porque custou demasiado num negócio "obscuro"...

Eu gosto do Roberto, não só porque é um jogador do Benfica mas sobretudo porque é um jogador de qualidade que representa o Benfica...

Deu frangos no início? Deu!

Mas mais do que isso, no início fomos claramente roubados à vista grossa e os "frangos" do Roberto mas não serviram para branquear o que todos assistimos e que teve o seu ponto alto na cidade berço.

Desde Michel que não temos um keeper que me encheu tanto as medidas como Roberto...

Constantino disse...

Por acaso hoje tinha pensado escrever um post acerca do nosso keeper, mas agora já não o posso fazer porque há pessoas que se antecipam à má fila :).
De qualquer forma a minha opinião acerca do Roberto é a seguinte: desde inicio que o critiquei porque a meu ver o problema não era psicologico nem tactico, era mesmo técnico. O homem tinha e continua a ter carencias técnicas e de colocação. Tal como disse na altura, o Roberto ia ser o que a equipa técnica conseguisse fazer dele e temos que dar mérito a quem o tem, o trablhod esenvolvido tem sido muito positivo. Parece-me também que Roberto tem sido uma das razoes do recuo da linha defensiva do SLB pois é obvio que se sente mais à vontade estando mais em jogo. Como costumo dizer, o descanso provoca-lhe apneias de concentração. Apesar das evidentes melhorias, notam-se lapsos técnicos visiveis para quem percebe de balizas ou quem treinou uns anos nessa posição. Fui guarda redes desde os escolinhas até aos juniores (muito mau guarda redes, diga-se) e sempre admirei essa posição. Por isso há pormenores que eu reparo que parecem ser de pouca importancia mas que revelam algumas coisas acerca do guarda redes. No ultimo jogo há um momento que demonstra as carencias técnicas do Roberto: num canto ou livre ou cruzamento, qualquer coisa nesse genero, já na 2ª parte, o Roberto sai à bola e soca-a fazendo um movimento com as mãos como quem puxa o machado a trás e dá a machadada. Em cada 5 socagens destas, 2 vão direitinhas ao chão. Não é assim que um redes com escola e boa técnica soca a bola. Este é so um pormenor mas que demonstra que tecnicamente o Roberto tem muito que desenvolver. Tal como acontece no posicionamento entre postes, que não fica tão evidente devido à sua estatura e excelentes reflexos (caracteristica onde ele é soberbo). Aliás, a nivel de posicionamento e movimentação entre os postes, bem lhe podiam mostrar videos do Bento, que neste aspecto era um predestinado e só por isso foi um grande redes com aquela estatura.

Pedro Veloso disse...

Concordo totalmente com o Devante, aliás devo dizer que mesmo que o Roberto de repente começasse a defender mal (o que não vai acontecer porque é mesmo muito bom e, hoje, está muito confiante) merece toda a minha admiração pela forma como reagiu e se levantou perante a onda de críticas, algumas completamente injustas, e a campanha da Comunicação Social para o queimar. Foi preciso muita força mental e confiança nas próprias capacidades. E também o JJ merece toda a minha admiração pela forma como o soube motivar e defender à exaustão (JNF, com todo o respeito o argumento "tem graça, afinal também Jesus não se manteve fiel à sua aposta" não tem sentido, sabe perfeitamente que naquele momento o guarda-redes tinha que ser protegido, e ir para o banco, não para fora dos convocados ou dispensado, era a melhor forma de o fazer). Acho que não custa muito reconhecer isso.

E já agora, há muitos mais jogadores no SLB actual para quem esta semana deve ser decisiva, desde o Gaitán (esse nem joga hoje) ao Kardec, passando pelo Saviola ou o Maxi, que têm estado muito abaixo do que sabem. Não é para o Roberto.

Carlos Alberto disse...

Tantas palavras e faltou a essencial: DESCULPA.

Rearviewmirror disse...

Pois JNF, não queiras comparar um campeonato espanhol, onde qualquer equipa do meio da tabela tem jogadores de classe mundial na frente (Nilmar, Aguero, Villa, Luis Fabiano, Kanoute, Forlan, etc etc).
O Roberto ficou com essa média de golos, mas repito, só foi comparável ao Casillas e ao Valdes.
Todos os outros guarda-redes, em média, sofreram mais golos que o Roberto.
E atenção, que nessa tal média de um golo por jogo, estão incluidos os 7 que ele sofreu com Barcelona e Real Madrid

O GLORIOSO disse...

É caso para dizer: Mais vale cair em graça que ser engraçado.
Obviamente que aqueles que chegaram a referir-se ao Roberto como o pior GR da história do clube, que queriam até um junior na Baliza (o Oblak 3º GR do Beira-Mar), que suspiravam pelo Eduardo esse portento de GR que em Italia tem feito furor, ou até um Filipe qualquer mesmo agora continuam a ter muitas duvidas. É normal.
Sempre o referi que Roberto tinha muitas qualidades tecnicas e presença na baliza mas duvidava da sua capaçidade mental para ultrapassar o momento que viveu que diga-se criado pelos proprios Benfiquistas seguindo uma imprensa velhaca e avençada sempre á procura do "sangue" e malhar no Campeão. Nunca vi um jogador ser tão maltratado, tão enxovalhado, tão perseguido pela Comunicação Social desde que sigo futebol. Foi uma vergonha que até por exemplo o Dr. Barroso Lagarto referiu. Comparando com o que se escreve do Helton (com as suas belas defesas por exemplo com o Chelsea), do Rui Patricio ou Franguicio que tanto faz nos belos lançes ao longo dos anos nos tem brindado (mas não é o GR de futuro Mundial), ou até o unico jogo do outro que está no WC, o Roberto coitado é carne para canhão.
A verdade é que superou tudo com ajuda ou não, hoje mostra realmente aquilo que sabe. Por isso o meu cumprimento por ultrapassar a pior campanha que já se fez a um jogador de futebol, é notável e eu estou rendido.
Claro que vai cometer erros, vai dar frangos e que quando os der lá estaram os mesmos ("eu não disse") de sempre mas certamente vai voltar ao mesmo.
Aliás a questão da baliza na ultima decada é interessante de analisar. O "Mais vale cair em graça que ser engraçado" aplica-se que nem uma luva. Pois é, quase todos os GR são criticados sistematicamente cruçificados. Todos menos 1, o Moreira. Esse não por ser da casa é o melhor do Mundo, dê ele os frangos que quizer. Com isso matou-se por exemplo um GR que podia ser de qualidade como o Moretto e o melhor GR Português na ultima decada, Quim só mesmo pela sua capacidade e experiencia é que foi como tolerado pelos Benfiquistas, que vêm no Moreira um Preud´Homme.

Galaad disse...

Foda-se ó Roberto, andavas a portar-te tão bem e aos 94 minutos do jogo de hoje tinhas de borrar a pintura toda!!!

Agora é analisar o erro, aprender e recuperar psicologicamente para o estádio do cavalo marinho!!!

Anónimo disse...

o 3 golo é frango nao ha duvidas

VHugo disse...

O 3º golo foi excesso de confiança a sair à entrada da área, mais nada.

http://forcamagicoslb.blogspot.com/2010/11/questao-dos-meloes.html