quarta-feira, 11 de abril de 2012

Abutres

José Veiga e António Figueiredo apareceram e falaram após mais um desastre do Benfica. O que me preocupa na frase acima escrita não é a evidência de os dois senhores em questão terem falado, mas sim o facto de termos sofrido um novo desastre. E surpreendentemente (ou não, talvez isto seja mais um reflexo deste neo-benfiquismo que continuo sem entender), começam a ser mais os posts a atacar estas duas figuras que a questionar o actual modelo de gestão do Benfica.

Se o Benfica ganha e estas pessoas falam, são uns criadores de instabilidade, não tendo critério na escolha do momento para falar. Se o Benfica ganha e não falam, são uns ratos que se escondem e ficam tristes pelas vitórias (têm sido tantas...) do Benfica nos últimos tempos. Se o Benfica perde e não falam, são uns incompetentes que nem se conseguem organizar para lutar contra Vieira. Se o Benfica perde e falam, são uns abutres oportunistas. E andamos nisto ad eternum.

O que se devia verificar neste momento era a discussão sobre se Vieira ainda tem crédito para continuar como presidente após tantos anos de insucesso desportivo, incluindo no celebrizado "mandato desportivo" e se as pessoas que criticam e que têm (todos sabemos que têm) a ambição de voltar ao Benfica são ou não mais competentes que os actuais dirigentes. Sobre Veiga, o mais mediático dos contestatários, já dei a minha opinião mais que uma vez: é feito do mesmo material que Vieira, com a diferença de ser mais competente, como prova a sua gestão entre 2004 e 2007, onde o Benfica, mesmo com orçamentos muitíssimo inferiores e com equipas muito mais fracas que a actual, conseguiu resultados surpreendentemente bons.

Mas não, este novo benfiquismo prefere defender a todo o custo dirigentes incompetentes e moralmente asquerosos. A esta hora, deveríamos estar a analisar a questão central. O problema é que só há abutres onde há carne putrefacta. E eu, neste momento, estou mais preocupado em remover a carne putrefacta que subsiste no meu Benfica.

13 comentários:

John Wakefield disse...

É engraçado constatar que Veiga se concentrou em Vieira, enquanto Figueiredo arrasou Jorge Jesus. Não sei se existirá aqui um padrão, com os dois a atacarem alvos específicos.

Também já estou farto do "loserismo" (como disseste, caro JNF) que caracteriza o actual vieirismo, agora quero é que estes senhores mostrem o seu projecto e que o saibam fazer no momento mais adequado, isto é, após o término da actual temporada. Daqui até lá, ainda existem objectivos a atingir e acho que ainda é um pouco cedo para começar o período eleitoral.

Em relação a Veiga, ele tem alguma popularidade no Benfica, mas creio que será muito inferior à do Vieira... Para equilibrar as contas, o ex-director desportivo do Benfica deverá integrar na sua futura lista alguém com muita popularidade ou respeito no mundo benfiquista (seja uma ex-glória Rui Costa, Toni, Humberto Coelho ou alguém que tenha brilhado noutros sectores - Bagão Félix ou Eduardo Moniz). Mas isto não passam ainda de possíveis conjecturas!

Carlos Covas disse...

Apresentar um programa não significa cumpri-lo. Olhem para as actuacoes dos nosso políticos quando em campanha e comparem=na quando governam.

JNF disse...

Mas ao contrário dos nossos governantes, o presidente do Benfica pode mentir e aldrabar que será sempre adorado.

Ricardo Fernandes disse...

O que me admira em Veiga e em quem o apoia para o Benfica é que está na mesma situação de Fernando Gomes. "Esteve" no Porto. Sabe dos métodos e mafiosices naquelas bandas, foi grande amigo de Pinto da Costa e curiosamente supostamente zangou-se com ele. Vieira não serve porque apoiou um antigo homem do Porto para a federação mas para governar o nosso clube um homem com as mesmas características já serve...

Já agora os resultados conseguidos por Veiga foram no tempo em que o sistema tremeu e adormeceu. Não era nada do que foram estes últimos 4 anos (principalmente este ultimo).

Miguel disse...

JNF, és iluminado, ao contrário da maioria dos sócios do nosso Glorioso, que vivem nas trevas.

É verdade que a maioria dos sócios do SLB, pelo menos os que têm mais votos, não passam actualmente de carneiros, que tanto idolatram um LFV como um Vale e Azevedo.

Gente, vamos lá voltar a ser exigentes, foi a exigência que nos fez grandes, não o inconformismo!!

Olhem para os factos, LFV como Presidente (8 anos) e antes como director desportivo (2 anos) não nos trouxe resultados desportivos, trouxe-nos tão só uma estabilidade na mediocridade.

Há que mudar!! Rui Costa ou Bagão Félix a presidente!

Alguém me diz quando são as próximas eleições?

JNF disse...

Ricardo Fernandes(1) e Miguel(2):

1 - eu não sou favorável à vinda de Veiga. Já o disse uma vez e volto a dizê-lo. É feito da mesma massa de Vieira e tem passado no Porto. Que isto fique bem esclarecido.

2 - Verdade, quem idolatra este adorou o anterior e hoje diz cobras e lagartos do Vale. Opinião ao sabor do vento. As eleições serão em Outubro deste ano.

João disse...

É assim, fora as questões de direcção, que pura e simplesmente, ou não tenho competência/pachorra para avaliar (o que não significa que não lhes dê grande importância.. basta pensar que quando Vilarinho foi anunciado vencedor, eu estava de joelhos no meio da sala à espera dos resultados :D.. mas nesta altura acho que é muito importante falar sobre a direcção técnica aka JJ.. e para mim, existem hoje dois artigos no pasquim (record) que dizem tudo (e foram dois jornalistas que escreveram). Atentem no que é dito por Nuno Farinha na pág.2 e por João Rui Rodrigues na primeira página sobre as noticias do Benfica.
Para mim, está lá tudo sobre JJ!!

Pedro disse...

E irão dizer cobras e lagartos de Vieira...

No tempo de Veiga o sistema tremeu. Claro que sim. Por isso mesmo.

Veiga sabe como as coisas se processam e sabe agir antes delas acontecerem. Sabe defender o SLB coisa q ninguem, actualmente, sabe. E a forma como saíu do clube devia dar-lhe um pouco mais de crédito junto dos benfiquistas...

Teve passado no fcp? Pois teve.

Vieira tb.

Johnny Rook disse...

"Se o Benfica ganha e estas pessoas falam, são uns criadores de instabilidade, não tendo critério na escolha do momento para falar. Se o Benfica ganha e não falam, são uns ratos que se escondem e ficam tristes pelas vitórias (têm sido tantas...) do Benfica nos últimos tempos. Se o Benfica perde e não falam, são uns incompetentes que nem se conseguem organizar para lutar contra Vieira. Se o Benfica perde e falam, são uns abutres oportunistas. E andamos nisto ad eternum."

Esta passagem é interessante mas tem um problema insolúvel. Refere-se a dois dos seres mais abjectos que rondaram e rondam o Benfica. E quem assim ronda é de facto abutre.

Sem a referência expressa a estes seres vivos todo o texto está bom e interessante. É só substituir os nomes.

Hattori Hanzo disse...

Só não concordo contigo numa coisa: este não é o novo benfiquismo ... Ele já exisita há algum tempo. Na altura do Vale era exactamente igual. Basta lembrarmo-nos das Assembleias Gerais desse tempo.

Vermelhusco disse...

Ricardo Fernandes e o que dizes do Veiga não se aplica ao Vieira??

JNF disse...

João(1), Johnny Rook(2), Hattori Hanzo(3):

1 - Que dizem esses jornalistas?

2 - Sabes o que é interessante? É que antes de 2000, antes de chegar ao Benfica, ninguém se lembra de ver Vieira numa AG do clube. Então um homem tão nobre, tão benfiquista, tão dedicado, não acompanhava o seu clube num dos momentos mais difíceis?

3 - O Benfica tem mais de 100 anos de História e este problema ainda não tem 20. É um jovem ainda. Mas cheio de vícios.

João disse...

JNF, descrevem na perfeição o trajecto do jj no Benfica, inclusive todos os seus "pecados" como a soberba. Recomendo mesmo que possas ler. acho que estão na mouche!