quarta-feira, 31 de março de 2010

"Já não nos víamos há alguns anos"

Foi assim que Judite de Sousa começou. Cordial e amigavelmente, ao contrário daquilo que vem sendo hábito nos últimos dois anos, onde se tem demonstrado mais agressiva. Em vez de entrevistar ou perguntar e encostar o entrevistado à parede, Judite de Sousa conseguiu durante boa parte do programa complementar o raciocínio débil de Pinto da Costa. É o que acontece quando alguém não sabe separar devidamente as águas, separar o trabalho do clubismo.

O diálogo (chamar àquilo "entrevista" é um bocadinho forçado) foi perto do esperado pela maioria das pessoas. A palavra "Benfica" foi a mais mencionada durante os 45 minutos que durou o programa. Mas à parte do que o senil disse, e o que disse não interessa, sempre me ensinaram que ouvir maluquinhos não é boa ideia, olhando para Pinto da Costa vê-se todo um destroço humano à beira do colapso. Velho, frágil, parece um daqueles idosos que de bengala se aguenta, mas se vier um bocadinho de vento abana e cai redondo no chão.

Só consegui ver 15 minutos daquilo, mas o discurso de Pinto da Costa mantém-se igual desde o início. Inclusive a maneira como se referiu a LFV, dizendo que não se lembra de o ter convidado ou de ter estado em casa dele (isto faz-me lembrar qualquer coisa). Ou a maneira patética como argumentou sobre a qualidade do plantel do FCP, demonstrando que havia jogadores nas selecções (A. Pereira no Uruguai, Varela em Portugal, "Falcao no Paraguai"), esquecendo-se que há quem meta dois na do Brasil e Argentina, etc.

Basicamente foi a prova cabal de que há quem não esteja em condições para o cargo. A senilidade apoderou-se do homem. Voltou o discurso do ódio a Lisboa e ao presidente da câmara do Porto. Sinais da crise.

8 comentários:

Homem da Luz disse...

É raro, mas às vezes também me acontece. Tive uma ideia!
Esta 5ª vou ver o jogo com o Liverpool e vou levar uma cartaz a dizer: BANCADA STEWARD. Para coroar, irei equipado com o colete reflector que tenho no carro.
Se não podes vencer a corrupção e hipocrasia, ao menos ri-te dela!

Abraços com a certeza de que o lugar de Pinto da Costa, é mesmo na Judite!

Tasmaniapt disse...

Não vi mas pelo que relatou não houve surpresas nem polémicas...enfim apenas visibilidade nada mais!!
Saudações gloriosas e Homem da Luz em casa estarei atenta a ver se vejo o cartaz e que BOA IDEIA!!

Jotas disse...

confesso que adorava que direcção do Porto, se de facto se sente tão segura de si, se sente realmente lesada, se sente inocente neste processo, partisse para a impugnação deste campeonato e digo-o porque isso sim, seria um acto de coragem e firme na defesa de uma inocência em que eles não acreditam e não vão partir para essa acção, simplesmente porque além de saberem que são os únicos e verdadeiros culpados do que sucedeu no Estádio da Luz, também sabem como nasceu o acordão do Conselho de Justiça da Federação, o qual as 12H00 estava pronto a anunciar que a decisão do CD da Liga se mantinha e 2 horas mais tarde, se calhar após comerem a sobremesa à base de fruta ou de beberem um café simples ou com leite, aparecem com um acordão completamente destinto e é por saberem que trabalharam na sombra, como é seu costume e forma de estar, que não podem partir para os tribunais comuns no sentido de impugnar esta competição, pois tal facto, abriria uma investigação que poderia chegar a tenebrosas conclusões sobre os métodos usados na influência de uma decisão de um orgão desciplinar, porque um indivíduo, por acaso Vice- Presidente daquele orgão e que assiste no camarote presidencial aos jogos do seu Porto de cachecol do clube ao pescoço, de repente, apresenta um sentido de voto completamente destinto daquele que inicialmente tinha, ou seja, o feitiço poderia virar-se contra o feiticeiro e isso é um risco que não querem correr, pois as escutas foram só por si um duro golpe e suficientemente reveladoras da postura dos dirigentes desse clube com Corleone à cabeça no futebol português.

redjan disse...

Pobre judite de sousa. Patética. Ao nível do entrevistado, e na senda de um paulo catarro que uma vez entrevistou o papa idoso e só lhe faltou ir à casa de banho limpar-lhe o rabito !

Éter disse...

Ele disse que o Falcao era paraguaio? lol

JNF disse...

Disse. E não se riu.

Se calhar ele gostava de ter outro paraguaio.

CP disse...

Vi e ouvi a entrevista de LFV e não perco tempo com o "papa" do norte. É muito previsível e toda a gente sabe o vai dizer. O que eu receio é que essa pretensa entrevista seja um mau prenúncio, porque hoje nomearam Elmano Santos para arbitrar o Naval-Benfica. Pelos vistos o que nos gamou esta época ainda foi pouco. Há que ter os olhos abertos, porque a seguir vem um Benfica-Sporting e quem está à beira do 5º amarelo... que se cuide porque esse apitador da Madeira é um dos artistas que sabe da poda.

Atreides disse...

Esta "entrevista" não vai contra a suspensão de Pinto da Costa?